RDES11 – Renda de Escritórios

O fundo é administrado pelo BB Gestão de Recursos DTVM, em condomínio fechado e sem prazo definido de duração.

rdes111

Os Imóveis Alvo, de propriedade da PREVI, são unidades nos seguintes edifícios: Tenente Negrão (São Paulo – SP), Suarez Trade(Salvador – BA), Empresarial Center I (Recife – PE) e Empresarial Center II (Recife – PE).

RDES11_2

RDES11_1

O FII Renda de Escritorios (RDES11) é classificado como sendo um fundo do tipo Tijolo e enquadra-se na segmentação Escritórios.

Como visto acima, bem diversificados regionalmente e com mais de 4.000 m² de ABL em cada um dos prédios (eu somei 17.268m² de ABL total).

O fundo foi iniciado em 09/04/2012, tendo sido integralizado todo o montante ofertado, no valor de R$ 74.200.000,00; em março de 2013, os imóveis pertencentes ao fundo foram reavaliados, conforme indica a legislação, sendo a partir de então marcados ao preço de R$ 90.489.000,00.

Os edifícios Empresarial Center I e II, ambos localizados no bairro de Boa Viagem, em Recife-PE e com algumas salas pertencentes ao FII RDES.

Eles estão situados numa área nobre da cidade, do ponto de vista residencial, comercial e de lazer. Ficam a 3,5 Km do Aeroporto Internacional do Recife e a 1Km da praia de Boa Viagem. Apresentam um estacionamento externo único e pago, com 200-300 vagas para visitantes, porém o mesmo vive lotado porque é compartilhado com os edifícios comerciais vizinhos. O estacionamento dos locatários/proprietários são exclusivos (internos). O transporte até o empresarial se dá através de carro ou ônibus. Estação de metrô mais próxima fica a 2,3Km.

Tem uma importante referência na vizinhança, que é o Shopping Recife, (2º maior da cidade com 450 lojas e pertencente a BR MALLS), com um grande estacionamento (5800 vagas) , local inclusive onde estacionei meu carro para ir até os empresariais por um acesso direto entre os empreendimentos. Outros vizinhos são o Empresarial Center III (concorrente), Galeria Santo Antônio, Hotel Imperial Suítes, Hiper Bompreço (do Walmart), resort residencial de luxo Evolution Shopping Park (com 5 torres) da construtora Moura Dubeux e o Centro Empresarial Queiroz Galvão (com 3 torres prontas e 1 torre em construção) da construtora de mesmo nome. Este último foi recém construído, de alto padrão e mais moderno, acredito ser o maior concorrente e que poderá “levar” clientes.

Os Empresariais Center I e II têm + – 20 anos de construído e ,no momento, o EC II está em obras de manutenção/reforma na sua fachada e na entrada, como é visível nas fotos. Acredito que a vacância de algumas salas do EC II deva-se a este fator, somada às novas ofertas de salas na região. Não consegui falar com o gerente do condomínio para saber mais detalhes sobre salas disponíveis e/ou reformas em andamento. No EC I todas as salas estão locadas, segundo informação da recepção do mesmo.

Imóvel Endereço Cidade Unidades Área Total
Ed. Tenente Negrão R. Tenente Negrão, 166   São Paulo (SP) 8 pavimentos 4.025 m2
Ed. Suarez Trade Av. Tancredo Neves, 450   Salvador (BA) 12 salas 4.620 m2
Ed. Empr. Center I R. Padre Carapuceiro, 733   Recife (PE) 10 salas 4.248 m2
Ed. Empr. Center II R. Antonio Lumack de Monte, 96   Recife (PE) 10 salas 4.035 m2

INFORMAÇÕES OPERACIONAIS
Administrador: BB Gestão de Recursos DTVM S.A.
CNPJ: 30.822.936/0001-69
Diretor: Carlos José da Costa André
Data de início: 9/4/2012
PL Médio: R$ 79.162.224,37

Taxas:
Administração: 0,48%a.a. sobre patrimônio liquido.
Consultoria imobiliária: 1,6% sobre receita bruta das locações.

RI: bbdtvm@bb.com.br

49 comentários sobre “RDES11 – Renda de Escritórios

  1. Pocotó, Pocotó, Pocotó, Pocotó, … Pocotó, Pocotó, Pocotó, Pocotó, …. hiiihihiiiii

    Data-base (último dia de negociação “com” direito ao provento): 24/02/2017
    Data do pagamento 14/03/2017

    Valor do provento por cota (R$) 0,12021737197

    Período de referência Fev/2017

    Curtir

    • Que triste mais um caso de FII envolvendo o BB e alta vacância…. (BBFI11b o outro).
      Quem serão os cotistas desse fundo já que NÍNGUEM foi na assembleia relatada abaixo pelo Tetzner?
      Lamentável.

      Curtir

  2. Relacao das demandas judiciais ou extrajudiciais – 30/06/2016

    STATUS EM ANDAMENTO
    Nº PROCESSO 0050574‐59.2012.8.17.0001
    PARTE ADVERSA Construtora Agra Ltda.
    COMARCA Recife / PE
    Nº VARA 21ª Cível
    TIPO DE AÇÃO Ação Renovatória
    DISTRIBUIÇÃO 1/8/2012
    OBJETO Renovação de Aluguel de Imóvel pertencente à parte Ré
    RESUMO DOS
    ANDAMENTOS
    Em 01/08/2012 a Construtora AGRA intentou uma Ação Renovatória de Aluguel, buscando a
    renovação de aluguel do Imóvel localizado na Rua Padre Carapuceiro, nº 733/sala 202, Boa
    Viagem – Recife/PE. Em 21/02/2012 foi Juntada a Contestação da BB DTVM Gestão. Após
    apresentação de Réplica pela Construtora Agra, foi designada a audiência de conciliação em
    03/04/2012, na qual não houve acordo não havendo acordo. Ao final da audiência, foram os
    autos conclusos para sentença, sem alteração desde 01/07/2014. Desde o final da audiência
    houve a tentativa de acordo extrajudicial, mas sem lograr êxito. Em 25/01/2016 remeteu‐se os
    autos para a Central de Agilização Processual. Por fim, em 01/06/2016, foi peticionado pelo
    advogado que nos representa, que seja designada nova audiência para tentativa de conciliação.

    Curtir

    • Imóvel Endereço Cidade Unidades Área Total
      Ed. Tenente Negrão R. Tenente Negrão, 166   São Paulo (SP) 8 pavimentos 4.025 m2
      Ed. Suarez Trade Av. Tancredo Neves, 450   Salvador (BA) 12 salas 4.620 m2
      Ed. Empr. Center I R. Padre Carapuceiro, 733   Recife (PE) 10 salas 4.248 m2
      Ed. Empr. Center II R. Antonio Lumack de Monte, 96   Recife (PE) 10 salas 4.035 m2

      Curtir

      • Locatários

        Banco do Brasil S.A. LBC Advogados Siqueira Castro Advogados
        BIC Banco S.A. MP&N Advogados UOL Diveo Tecnologia Ltda
        Construtora Agra Ltda Petrobrás
        HQ do Brasil Adm. Bens e Serviços Ltda Queiroz Galvão Desenvolvimento

        Curtir

      • Vencimento dos Contratos
        Ed. Ten. Negrão (SP)    Ed. Suarez Trade (BA)    Ed. Center I (PE)    Ed. Center II (PE)
                            
        Térreo mai‐18    Sala 1201   Vago    Loja   out‐20    Sala 1001   Vago
        1º andar mai‐18    Sala 1202   Vago    Sobreloja   out‐20    Sala 1002   jun‐21
        2º andar Vago    Sala 1401   fev‐21    Sala 101   Vago    Sala 1101   Vago
        3º andar Vago    Sala 1402   fev‐21    Sala 102   Vago    Sala 1102   Vago
        4º andar abr‐19    Sala 1501   jul‐14    Sala 201   Vago    Sala 1201   Vago
        5º andar abr‐19    Sala 1502   Vago    Sala 202   jan‐13    Sala 1202   Vago
        6º andar abr‐19    Sala 1601   jul‐20    Sala 301   Vago    Sala 1301   Vago
        7º andar abr‐19    Sala 1602   jul‐20    Sala 302   Vago    Sala 1302   Vago
             Sala 1701   dez‐16    Sala 401   mar‐17    Sala 1401   Vago
             Sala 1702   Vago    Sala 402   mar‐17    Sala 1402   Vago
             Sala 2201   Vago            
             Sala 2202   Vago          

        Curtir

      • Contratos Vencidos – O fundo possui dois contratos de locação vencidos. O contrato vencido em jan/13 continua
        aguardando a sentença da ação renovatória e o que venceu em jul/14 encontra‐se em tratativas para prorrogação

        Curtir

      • O rendimento apurado no mês foi de R$ 0,18 por cota, distribuído em 12/08/2016. Considerando o valor a ser
        distribuído e o valor médio das cotas negociadas em Julho/2016 (R$ 57,06), o rendimento anualizado foi
        equivalente a 7,48% a.a.. Enquanto que, se considerarmos, o valor de emissão das cotas (R$ 100,00), o
        rendimento distribuído acumulado foi de 4,27% a.a.

        Curtir

      • Comentário do Administrador
        Os valores recebidos de aluguel em Julho foram 9,96% menores do que os valores recebidos no mês anterior em
        função da carência de três meses na cobrança do aluguel solitada pelo novo locatário do Ed. Center II, cujo contrato
        foi celebrado em Julho/16. Quanto às despesas, estas apresentaram redução de 2,12% em relação ao mês anterior,
        também fruto da nova locação iniciada este mês.

        Curtir

      • O ambiente macroeconômico e a dinâmica do mercado imobiliário é, atualmente, desfavorável aos proprietários de
        imóveis corporativos, em função da maior oferta de áreas, da redução dos valores de alugueis e, principalmente,
        pelo aumento da vacância.

        Curtir

      • No nosso caso, Recife é a cidade que nos apresenta o maior desafio. Há uma grande oferta de espaços na região
        onde estão os Ed. Center I e Ed. Center II, o que provoca a queda do valor do aluguel e a migração de empresas para
        imóveis mais novos. Mesmo neste cenário adverso, conseguimos efetuar a locação de uma das salas que estavam
        vazias no Ed. Center II

        Curtir

      • Apesar deste cenário, continuamos envidando todos os esforços para atrair novos locatários para os imóveis vagos,
        principalmente na cidade de Recife. Estamos tornando as condições de locação mais competitivas ao mesmo tempo
        em que ampliamos as parcerias com imobiliárias locais. No entanto, ainda é grande a oferta de escritórios na cidade
        de Recife e estas ações podem levar algum tempo para apresentarem resultado.

        Curtir

  3. FII RD ESCRI (RDES) Relatorio Gerencial – 31/05/2016

    Contratos Vencidos – O fundo possui dois contratos de locação vencidos. O contrato vencido em jan/13 continua aguardando a sentença da ação renovatória e o que venceu em jul/14 encontra‐se em tratativas para prorrogação.

    Banco do Brasil S.A. HQ do Brasil Adm. Bens e Serviços Ltda   Queiroz Galvão Desenvolvimento   BIC Banco S.A. LBC Advogados   Siqueira Castro Advogados   Construtora Agra Ltda Petrobrás UOL Diveo Tecnologia Ltda   Laferlins Ltda

    O rendimento apurado no mês foi de R$ 0,21 por cota, distribuído em 14/06/2016.

    Situação dos contratos    
    Vencidos 10,0%    
    Próximos 12 meses   10,0%    
    Entre 12 a 24 meses  ‐       
    Acima de 24 meses 25,0%      
    Imóveis Vagos 55,0% “

    Curtir

  4. FII RD ESCRI (RDES) Relatorio Gerencial – 29/04/2016

    Contratos Vencidos – O fundo possui três contratos de locação vencidos. O contrato vencido em nov/15 está em processo de assinatura da renovação. Dos outros dois contratos, o que venceu em jan/13 continua aguardando a sentença da ação renovatória e o que venceu em jul/14 encontra‐se em tratativas para prorrogação.

    Distribuição de Rendimentos
    O rendimento apurado no mês foi de R$ 0,26 por cota, distribuído em 13/05/2016. Considerando o valor a ser distribuído e o valor médio das cotas negociadas em Março/2016 (R$ 61,32), rendimento anualizado foi equivalente a 8,75% a.a.. Enquanto que, se considerarmos, o valor de emissão das cotas (R$ 100,00), o rendimento distribuído acumulado foi de 5,36% a.a..

    Curtir

    • Os valores recebidos de aluguel em Abril tiveram uma ligeira redução em função da entrega de uma das salas do Ed. Center II – (PE), entretanto esta redução não se refletiu na distribuição de rendimentos em função do recebimento de aluguel atrasado de um dos locatários do Ed. Suarez Trade (BA).

      O aumento das despesas, cerca de 76% em relação ao mês anterior, é justificado pelo recebimento de crédito extraordinário referente ao ressarcimento de IPTU pago em Fevereiro, pelo proprietário, e ressarcido em Março pelo locatário. Desconsiderando este crédito extraordinário, as despesas permaneceram estáveis.

      O ambiente macroeconômico e a dinâmica do mercado imobiliário é, atualmente, desfavorável aos proprietários de imóveis corporativos, em função da maior oferta de áreas, da redução dos valores de alugueis e, principalmente, pelo aumento da vacância.

      Curtir

    • A situação do FII que já era delicada, continua piorando; ultrapassa a marca de 50% vago e chega a 55%, despesas vão consumindo o pouco de receita que ainda é recebido pelo FII.

      Foi senão o primeiro, um dos primeiros a mostrar os sinais da crise no segmento que se avistava na época… vamos companhando

      Curtido por 1 pessoa

    • isso que “está tudo bem” no fundo… quase não tá vago, quase não falta renda, … ooo beleza! galera larga mão mesmo, incrível!

      RESUMO DAS DELIBERAÇÕES DA ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA – AGO
      RENDA DE ESCRITÓRIOS FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII (RDES11)

      CNPJ: 14.793.782/0001-78
      A BB Gestão de Recursos – Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários S.A., na qualidade de instituição administradora do Renda de Escritórios Fundo de Investimento Imobiliário – FII informa que nenhum cotistas compareceu à sede da administradora para a instalação da AGO convocada no dia 22.04.2016.

      Conforme previsto no regulamento do fundo e na convocação da AGO, a administradora recebeu manifestações de cotistas na forma declaração de voto, entretanto não foi possível a validação dos votos, seja por impugnação ou pela falta de informações dos cotistas. Portanto, as demonstrações financeiras do exercício findo em 31.12.2015 não foram apreciadas.

      Em função da não instalação da AGO e da inelegibilidade dos votos recebidos, não há ata a ser registrada.

      Curtido por 2 pessoas

    • do jeito que vai… é outro que já já empata despesas com receita …

      RDES
      Data-base (último dia de negociação “com” direito ao rendimento ou amortização) 31/05/2016
      Data do pagamento 14/06/2016
      Valor do Rendimento ou Amortização por cota R$ 0,20844644205
      Período de referência Maio/2016

      Curtir

  5. não é só RJ que sofre…

    RDES

    Mar/16

    Vacância: 52%

    “Os valores recebidos de aluguel em Março foram fortemente impactados em função da finalização do processo de entrega da sala 102 do Edifício Empresarial Center I (PE) e também pela inadimplência de um dos locatários.

    O administrador do fundo já está tomando as providências necessárias em busca da regularização deste fluxo de
    pagamento.

    Com relação às despesas, houve uma redução relevante no mês de Março, reflexo do ressarcimento de IPTU pago em cota única no mês de Feveiro e recebido em Março, acrescido de multa e juros pelo atraso, conforme relatado pelo administrador em Fevereiro.

    O momento de mercado mantem‐se favorável ao locatário, tendendo a afetar as receitas de aluguel, através do aumento da vacância e das solicitações de renegociação, porém, continuamos envidando todos os esforços para atrair novos locatários para os imóveis vagos, principalmente na cidade de Recife.

    Estamos tornando as condições de locação mais competitivas ao mesmo tempo em que ampliamos as parcerias com imobiliárias locais. No entanto, ainda é grande a oferta de escritórios na cidade de Recife e estas ações podem levar algum tempo para apresentarem resultado.”

    Curtir

  6. Triste a situação a que chegou este FII; lembro que foi um dos primeiros que eu apontei o descuido e a falta de atenção com o imóvel e os inquilinos; mais de 50% vago e com despesas consumindo praticamente toda geração de renda…

    “Imóvel Endereço Cidade Unidades Área Total
    Ed. Tenente Negrão R. Tenente Negrão, 166   São Paulo (SP) 8 pavimentos 4.025 m2
    Ed. Suarez Trade Av. Tancredo Neves, 450   Salvador (BA) 12 salas 4.620 m2
    Ed. Empr. Center I R. Padre Carapuceiro, 733   Recife (PE) 10 salas 4.248 m2
    Ed. Empr. Center II R. Antonio Lumack de Monte, 96   Recife (PE) 10 salas 4.035 m2

    Banco do Brasil S.A., HQ do Brasil Adm. Bens e Serviços Ltda,  Queiroz Galvão Desenvolvimento, BIC Banco S.A., LBC Advogados, Siqueira Castro Advogados, Construtora Agra Ltda, Petrobrás, UOL Diveo Tecnologia Ltda e Laferlins Ltda

    Contratos Vencidos – O fundo possui quatro contratos de locação vencidos. Dois contratos, um vencido em mai/15 e outro em nov/15, estão em processo de assinatura da renovação. Dos outros dois contratos, o que venceu em jan/13 continua aguardando a sentença da ação renovatória e o que venceu em jul/14 encontra‐se em tratativas
    para prorrogação.

    O rendimento apurado no mês foi de R$ 0,13 por cota, distribuído em 14/03/2016.
    fev/16
    Rec. Aluguel R$ 495.306
    Despesas R$ 403.179

    Situação dos contratos    
    Vencidos: 12,5%    
    Próximos 12 meses: 7,5%    
    Entre 12 a 24 meses: 5,0%      
    Acima de 24 meses: 22,5%      
    Imóveis Vagos: 52,5% “

    Curtido por 2 pessoas

  7. uia… Evasão??

    FII RD ESCRI (RDES) – DISTRIBUICAO DE RENDIMENTO

    RENDA DE ESCRITORIOS FDO INV IMOB – FII, informa a distribuicao de rendimento,
    conforme dados abaixo:

    Data-base: 29/02/2016
    Data para pagamento: 14/03/2016
    Valor distribuido por cota: R$ 0,12995079515
    Periodo de referencia: Fevereiro/2016

    Norma: a partir de 01/03/2016 cotas ex-rendimento.

    * Renda por Cota: 0,206% *

    Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s