VGIP11 – Valora CRI Índice de Preço FII

O Fundo tem como objetivo o investimento preponderante em Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI), conforme critérios de elegibilidade definidos na política de investimento.

Público Alvo: Investidores em geral.

Taxa de Administração e Gestão: 1,00% ao ano sobre o patrimônio líquido do Fundo, com valor mínimo mensal de R$20.000 no 1º ano de funcionamento do Fundo, e de R$ 25.000 mensal a partir do 2º ano do Fundo.

Taxa de Escrituração: 0,05% ao ano sobre o patrimônio líquido do Fundo, com valor mínimo mensal de R$3.500 no 1º ano de funcionamento do Fundo, e de R$ 5.000 mensal a partir do 2º ano do Fundo.

Taxa de Performance: 20% sobre o que exceder IPCA + média do yield anual do IMAB5 no semestre civil anterior. Caso essa média seja menor que 4%aa., a mesma será acrescida de 1%aa; caso a mesma seja maior ou igual a 4%aa e menor que 5%aa, será utilizado 5%aa. A taxa é paga semestralmente nos meses
de julho e janeiro.

Distribuição de Rendimentos:
Divulgação de rendimentos: 8º dia útil
Data ex-rendimentos: 9º dia útil
Pagamento de rendimentos: 13º dia útil

Dados Adicionais:
Gestão: Valora Gestão de Investimentos
Administração: BTG Pactual Serviços Financeiros S.A. DTVM
Escriturador: BTG Pactual Serviços Financeiros S.A. DTVM
Auditor: Pricewaterhousecoopers Auditores Independentes

Autor: Tetzner

Engenheiro, Investidor há mais de20 anos, autor de 2 livros e pioneiro em Fundos Imobiliários :)

27 comentários em “VGIP11 – Valora CRI Índice de Preço FII”

  1. CARTA CONSULTA recebida …

    Na minha opinião … começaram os GOLPES do JOÃO-GESTOR sem-braço

    Por exmeplo… item (ii) … (II) Aquisição pelo Fundo, de cotas de fundos de investimento cuja política de investimento preveja o investimento exclusivo em títulos do governo ou operações compromissadas (Fundos de Liquidez), administrados e/ou geridos pelo Administrador, com validade até que haja necessidade de sua ratificação em função de alterações nos cotistas do Fundo, em seu patrimônio líquido ou outras que ensejem tal necessidade nos termos da regulamentação aplicável, com recursos captados no âmbito da oferta pública das cotas da 5ª (quinta) emissão do Fundo, até o limite de concentração previsto para cada ativo, conforme abaixo, sem a necessidade de aprovação específica para cada aquisição a ser realizada., desde que atendidos os critérios

    >>>> PERCEBERAM ???? RECURSO DO cotista ENTRANTO PARA O BANCO DO GESTOR !!!

    Meu VOTO ??? N-Ã-O !!!

    Curtido por 1 pessoa

    1. E é aquela tbém: Como há também VÁRIOS OUTROS itens … alguns até bons items … ou se aprova TUDO, ou se rejeita tudo. RECHEARAM boas propostas com um MOSTRENGO DESSES. GESTOR se tornou… político de congresso nacional ?!?!??!?!??!

      Curtido por 1 pessoa

  2. A partir de 17 de maio de 2021, as 1.883.634 (um milhão, oitocentas e oitenta e três mil e seiscentas e trinta
    e quatro) cotas integralizadas durante o direito de preferência e sobras e montante adicional da 4ª Emissão
    de Cotas do VGIP passarão a ser negociadas na B3 S.A. – Brasil, Bolsa, Balcão.

    Curtir

  3. NOVA EMISSAO –

    A quantidade de Cotas da Quarta Emissão que poderá ser subscrita por cada Atual
    Cotista por meio do exercício do Direito de Preferência será determinada mediante a
    aplicação do fator de proporção equivalente a 0,44922435074,sobre o número de cotas
    do Fundo integralizadas e detidas por cada Atual Cotista no 2º (segundo) dia útil após a
    data de divulgação deste Fato Relevante, observado que eventuais arredondamentos
    serão realizados pela exclusão da fração, mantendo-se o número inteiro
    (arredondamento para baixo);

    Na ocasião de subscrição e integralização das Cotas da Quarta Emissão, será devida a taxa
    de distribuição primária, a qual não integra o Preço de Emissão da Cota. O valor de
    integralização das Cotas da Quarta Emissão é equivalente a R$ 98,96 (noventa e oito reais
    e noventa e seis centavos), sendo R$ 95,56 (noventa e cinco reais e cinquenta e seis
    centavos) referentes ao Preço de Emissão das Cotas da Quarta Emissão e R$ 3,40 (três
    reais e quarenta centavos) referentes à taxa de distribuição primária (“Taxa de
    Distribuição Primária”).

    Curtido por 1 pessoa

    1. Renatão… tudo em queda com o risco país, risco governo, risco ref tributária, risco dólar e risco tx de juros. Complicado pensar na cotação. Melhor pensar na qualidade do ativo/papel e comprar nas megaofertas.

      Curtido por 2 pessoas

  4. Gente, estou estudando fundos de papéis para ter em carteira. Já tenho irdm11, recr11 e vrta11.
    Eu queria ter knip11, mas não sou qualificado.
    Esse vgip11 é um bom fundo??? O que acham dele??

    Curtir

  5. A partir de 20 de janeiro de 2021, as 1.198.374 (um milhão, cento e noventa e oito mil, trezentos e setenta e quatro)
    cotas integralizadas durante o direito de preferência e sobras e montante adicional da 3ª Emissão de Cotas do
    VGIP11 passarão a ser negociadas na B3 S.A. – Brasil, Bolsa, Balcão.

    Curtir

  6. Data da informação
    13/01/2021
    Data-base (último dia de negociação “com” direito ao provento)
    13/01/2021
    Data do pagamento
    20/01/2021
    Valor do provento por cota (R$)
    1,54
    Período de referência
    Dezembro
    Ano
    2020
    Rendimento isento de IR*
    Sim

    Curtir

  7. Data da informação
    08/12/2020
    Data-base (último dia de negociação “com” direito ao provento)
    10/12/2020
    Data do pagamento
    17/12/2020
    Valor do provento por cota (R$)
    1,25
    Período de referência
    Novembro
    Ano
    2020
    Rendimento isento de IR*
    Sim

    Curtido por 1 pessoa

  8. A BTG PACTUAL SERVIÇOS FINANCEIROS S.A. DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES
    MOBILIÁRIOS instituição financeira com sede na cidade do Rio de Janeiro, estado do Rio de
    Janeiro, na Praia de Botafogo, nº 501, 5º andar, parte, Torre Corcovado, Botafogo, CEP 22250-
    040, inscrita no CNPJ/ME sob o nº 59.281.253/0001-23, devidamente credenciada pela
    Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”) para o exercício da atividade de administração de
    carteiras de títulos e valores mobiliários, nos termos do Ato Declaratório nº 8.695, de 20 de
    março de 2006, na qualidade de instituição administradora (“Administradora”) do VALORA CRI
    ÍNDICE DE PREÇO FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII, inscrito no CNPJ/ME sob o nº
    34.197.811/0001-46 (“Fundo”), resolve o quanto segue:
    1. Nos termos do Capítulo Oito do regulamento do Fundo (“Regulamento”) e conforme
    solicitação prévia da Valora Gestão de Investimentos Ltda., gestora da carteira do Fundo
    (“Gestora”), aprovar a 3ª (terceira) emissão de cotas do Fundo, no montante de, no mínimo,
    104.855 (cento e quatro mil, oitocentos e cinquenta e cinco) e, no máximo, 1.048.548 (um
    milhão, quarenta e oito mil, quinhentos e quarenta e oito) Cotas (“Cotas da Terceira Emissão”),
    todas escriturais, a serem integralizadas à vista, no ato da subscrição, exclusivamente em moeda
    corrente nacional, pelo valor de R$95,37 (noventa e cinco reais e trinta e sete centavos) por Cota
    da Terceira Emissão (“Preço de Emissão”), totalizando, no mínimo, R$10.000.021,35 (dez
    milhões e vinte um reais e trinta e cinco centavos) e, no máximo, R$ 100.000.022,76 (cem
    milhões e vinte e dois reais e setenta e seis centavos) (“Montante Total da Oferta”), sem
    considerar a Taxa de Distribuição Primária (conforme abaixo definida) (“Emissão” ou “Terceira
    Emissão”).

    Valor de Integralização: O valor de integralização das Cotas da Terceira Emissão é equivalente
    a R$97,49 (noventa e sete reais e quarenta e nove centavos), sendo R$95,37 (noventa e cinco
    reais e trinta e sete centavos) referentes ao Preço de Emissão das Cotas da Terceira Emissão e
    R$2,12 (dois reais e doze centavos) referentes à Taxa de Distribuição Primária (conforme abaixo
    definida).

    Direitos: 63,193141 da posição na data de divulgação do fato relevante a ser divulgado pela Administradora.

    Curtir

  9. Data da informação
    06/11/2020
    Data-base (último dia de negociação “com” direito ao provento)
    12/11/2020
    Data do pagamento
    19/11/2020
    Valor do provento por cota (R$)
    1
    Período de referência
    Outubro
    Ano
    2020
    Rendimento isento de IR*
    Sim

    Curtido por 1 pessoa

  10. O Fundo encerrou o mês de setembro de 2020 com 90,5% de seu patrimônio líquido alocado em
    CRI, distribuídos em 17 diferentes operações, num total investido de R$144,1 milhões. Os demais
    recursos estavam investidos em instrumentos de caixa.

    Durante o mês de setembro, o Fundo fez aquisições de 5 operações no valor total de R$31,5
    milhões. Foram investidos (i) R$10 milhões no CRI GPA 83S com cupom de IPCA + 5,0% ao ano
    e rating AAsf(bra) pela Fitch; (ii) R$2,2 milhões (de um total a ser adquirido de R$8,4 milhões) no
    CRI Carinás, com cupom de IPCA + 9% ao ano e prêmio inicial de 294bps; e (iii) R$9,3 milhões no
    CRI Tenente Negrão, com cupom de IPCA + 10% ao ano (ver mais detalhes das operações em
    Detalhamento de Ativos). Além disso, o Fundo adquiriu R$5 milhões adicionais do CRI JSL Ribeira
    261S e R$5 milhões adicionais do CRI JSL Ribeira 268S.

    Curtido por 3 pessoas

NOVOS COMENTÁRIOS AQUI: (sem links, emails ou telefones)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s