ARCT11 – FII ARCTIUM

No Riza Arctium, o investimento imobiliário busca assimetrias na relação tríplice de risco-retorno-liquidez, onde analisamos a qualidade creditícia do inquilino e a potencial valorização do imóvel, em operações de Sales&Lease Back, Built-to-Suit, Buy to Lease, ou ainda Desmobilização Pura. Através da expertise do time de gestão, fazemos uma análise criteriosa do risco de crédito do inquilino e um monitoramento constante dos ativos do portfolio. Com essa nova abordagem temos um Fundo Imobiliário diferenciado em atuação e propósito quando comparado a outros fundos do segmento.

Gestão: Riza Asset Management
Administração: BTG Pactual
Início das Atividades: Julho | 2017
Prazo
Público Alvo
Código de Negociação
Quantidade de Emissões
Taxa de Administração: 1%
Taxa de Perfomance: 20% acima de IPCA+ 5,0% a.a

Isenção permanente do imposto de renda (IR) para dividendos de FIIs, FIAGRO e FIP-IE

Isenção permanente do imposto de renda (IR) para dividendos de FIIs, FIAGRO e FIP-IE

Vamos dar o troco nos políticos que só querem Tributar os FIIs? Bora lá!

Esta ideia legislativa propõem:

  • Impedir que políticos mudem a lei dos FII, retirando as isenções fiscais e do diferimento de IR.
  • Atribuir o FIAGRO, FIP-IE nos mesmos moldes dos FIIs hoje!
  • Somente poderá ser retirado esses direitos por meio de plesbicito com maioria simples (50% + 1).
    Mais detalhes
  • Esta ideia legislativa não discrimina sobre tributação de dividendos de Ações.
  • Há uma falácia que apenas o Brasil e Estônia isentam dividendos de FIIs, existem países com leis de isenções de dividendos para investimentos específicos (visando aquecimento da economia).
  • O fenômeno de “Pejotização” (onerar pessoas físicas e jurídicas) vem da sonegação e da elevada carga tributaria

Isenção permanente do imposto de renda (IR) para dividendos de FIIs, FIAGRO e FIP-IE

VOTE A FAVOR:
https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaoideia?id=152485&voto=favor

!Ao receber 20.000 apoios, a ideia se tornará uma Sugestão Legislativa e será debatida pelos Senadores.

Data limite para receber 20.000 apoios
29/09/2021

Maratona dos FIIs 20/Maio/21

Os Imóveis vão Evoluir e se Adaptar às novas Necessidades dos Moradores (EVEN), Por que o Resultado Recorrente do CRI é mais baixo que as Taxas Ponderadas da Carteira do FII? (CPTS), Descubra a Verdadeira Estratégia por trás do Fundo GGRC11, Motivos da Queda no Rendimento e a Atualização Trimestral do Fundo com Expectativas (MFII), Descubra o que causa o GAP entre Resultado e Distribuição no RCRB11 – RC Rio Bravo, As últimas novidades do FII TGAR11 e Alocações de Emissão, Atraso nas Alocações Impactaram as Distribuições em URPR e as Movimentações VLSH.

1

CT: Os Imóveis vão Evoluir e se Adaptar às novas Necessidades dos Moradores – 20.05 – V1de7

Café com Tetzner – 20.05 – V1de7: Even informa que A alta do INCC ainda não trouxe aumento de inadimplência nem distratos. Também a escalada preocupante nos custos dos materiais de construção será contraposta por ganho de eficiência nas atividades de planejamento e engenharia. A empresa estima que o mercado imobiliário da cidade de São Paulo como um todo realizará lançamentos com valor geral de vendas (VGV) de R$ 30,8 bilhões na média anual durante o ciclo de 2019-2023 (um crescimento de 59,5% do mercado na comparação com o ciclo anterior de 2014-2018). Afirmou que o imóvel está em transformação, de modo que a sua função irá cada vez mais além da moradia, mas também servirá para como espaço de trabalho, convivência e soluções variadas. “A casa é mais do que o lar, é uma plataforma de soluções”

Cursos, Painel e Radar dos FIIs: https://tetzner.wordpress.com/loja

😀 Siga o Tetzner

2

CT: Por que o Resultado Recorrente do CRI é mais baixo que as Taxas Ponderadas da Carteira do FII -20.05-V2de7

Café com Tetzner -20.05-V2de7: FII BTG AGRO (BTAL) Comunicado e a atualização de FII CAPI SEC (CPTS) com Relatório e um exemplo do resultado que vai sendo acruado enquanto não há efeito caixa

Cursos, Painel e Radar dos FIIs: https://tetzner.wordpress.com/loja

😀 Siga o Tetzner

3

CT: Descubra a Verdadeira Estratégia por trás do Fundo GGRC11 -20.05-V3de7

Café com Tetzner -20.05-V3de7: FII CX TRX (CXTL) Relatório e FII GGRCOVEP (GGRC) Relatório com a estratégia do gestor ao adquirir um ativo industrial ou logístico não é avaliar prioritariamente se o ativo pode ser locado caso o locatário opte por sair, e sim estabelecer uma política de investimentos no qual o relacionamento com o locatário se estenda pelo maior prazo possível, uma vez que o foco do Fundo é um fluxo de rendimentos a longo prazo e não operações de desenvolvimento ou compra e venda de imóveis.

Cursos, Painel e Radar dos FIIs: https://tetzner.wordpress.com/loja

😀 Siga o Tetzner

4

CT: Motivos da Queda no Rendimento e a Atualização Trimestral do Fundo com Expectativas -20.05-V4de7

Café com Tetzner -20.05-V4de7: FII MERITO I (MFII) Relatorio Trimestral com as Atualizações de Resultados, TIR e Fluxos.

Cursos, Painel e Radar dos FIIs: https://tetzner.wordpress.com/loja

😀 Siga o Tetzner

5

CT: Descubra o que causa o GAP entre Resultado e Distribuição no RCRB11 – RC Rio Bravo -20.05-V5de7

Café com Tetzner -20.05-V5de7: FII R INCOME (RBCO) Fato Relevante, FII RBR LOG (RBRL) Relatorio, FII RIOB RC (RCRB) Fato Relevante e Relatório mostrando que o GAP em Resultado (0,41) e Renda (0,80) só aumenta… aponto um motivo relevante e uma solução rápida para a questão.

Cursos, Painel e Radar dos FIIs: https://tetzner.wordpress.com/loja

😀 Siga o Tetzner

6

CT: As últimas novidades do FII TGAR11 e Alocações de Emissão -20.05-V6de7

Café com Tetzner -20.05 – V6de7: FII SANT PAP (SADI) Fato Relevante com a Desistência da Liquidação, FII TG ATIVO (TGAR) Relatorio Em abril de 2021, foram alocados R$ 23,21 milhões, tanto em novos ativos imobiliários, dentre crédito e equity, quanto no desenvolvimento de ativos que já compunham a carteira do Fundo ao fechamento de abril. Com relação aos ativos de crédito, foi realizada a aquisição de dois novos Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI), assim como o reforço em uma operação, conforme detalhado mais à frente. Já acerca dos ativos de equity, para o desenvolvimento de ativos já integrantes do portfólio foi destinado o montante de R$ 15,87 milhões.

Cursos, Painel e Radar dos FIIs: https://tetzner.wordpress.com/loja

😀 Siga o Tetzner

7

CT: Atraso nas Alocações Impactaram as Distribuições em URPR e as Movimentações VLSH -20.05-V7de7

Café com Tetzner -20.05-V7de7: FII URCA REN (URPR) Relatorio a Gestão reforça o compromisso com Risco e Retorno, nessa Ordem para justificar o atraso nas alocações e FII VERS CRI (VSLH) Relatorio onde mostram o resultado e o giro mensal.

Cursos, Painel e Radar dos FIIs: https://tetzner.wordpress.com/loja

😀 Siga o Tetzner

MCHF11 – Mauá Capital Hedge Fund FII

Objetivo do Fundo: O Fundo tem por objetivo auferir rendimento e ganho de capital aos investidores através da aquisição de ativos-alvo: FII, CRI, LH, LCI, FIDC, Participações societárias, Ações e outros títulos, FIP e CEPAC.

CNPJ: 36.642.139/0001-86
Patrimônio Líquido (Ago/21): R$ 92.386.919,95 R$ 11,12 / cota
Quantidade de Cotas: 8.307.646
Volume Negociado no Mês (Ago/21): 8.285.689,55
Número de Cotistas(Ago/21): 1.968
Público Alvo: Investidores em Geral
Taxa de Gestão: 0,77% ao ano sobre o patrimônio líquido do Fundo
Taxa de Administração: 0,18% ao ano sobre o patrimônio líquido do Fundo
Taxa de Performance: 20% sobre o que exceder IFIX.
Anúncio e Pagamento – Dividendos: 8º e 13º dia útil de cada mês, respectivamente.
Gestor: Mauá Capital Real Estate
Administrador: BTG Pactual Serviços Financeiros S.A DTVM

RBRY11 – RBR Crédito Imobiliário Estruturado FII

Auferir rendimentos e ganhos de capital na aquisição de Certificados de
Recebíveis Imobiliários (“CRI”)

Benchmark: IPCA + Yield IMA-B 5 (calculado sobre a distribuição de rendimentos)

BTRA11 – BTG Terras Agrícolas FII

O FII BTG Pactual Terras Agrícolas (BTRA11) é um fundo imobiliário que atuará na aquisição de terras agrícolas, arrendando-as posteriormente. A estimativa de remuneração líquida para o investidor é de aproximadamente 9% em termos reais, sem considerar ganhos de capital advindos da gestão ativa do fundo. E os contratos são corrigidos pela informação, principalmente pelo IPCA. Ou seja, a rentabilidade pode ser maior.

O cap rate alvo, isto é, o rendimento sobre o capital investido que o fundo atingir, é de 9,9% a 12,5%, sendo o valor do arrendamento corrigido pela medida de medição pelo IPCA.

IBCR11 – FII de CRI Integral BREI

Objetivo:
O Fundo tem como objetivo o investimento preponderante em Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI), conforme critérios de elegibilidade definidos na política de investimento.
Início do Fundo: 30 de abril de 2021
Taxa de Gestão: 0,8% a.a. sobre o patrimônio líquido do fundo.
Taxa de Administração: 0,2% a.a. sobre o patrimônio líquido do fundo.
Taxa de Performance: 20% sobre o que exceder o IPCA + (yield médio do IMAB5)
Prazo do Fundo: Indeterminado.
Público Alvo: Investidor Profissional.
Cota Emitidas: 802.921

%d blogueiros gostam disto: