CXTL11 – Caixa TRX Logística Renda

O objetivo do fundo é aquisição e posterior locação de imóveis comerciais, industriais ou logísticos, prontos ou em construção, para grandes empresas;  administrado pela Caixa Econômica Federal, em regime de condomínio fechado e com prazo indeterminado de duração.

CXTL11.bmp

Sua primeira emissão teve como objetivo a aquisição de 3 imóveis: O Atmosfera (RJ) com área construída de 7.671 m², Schahin (RJ) com área construída de 4.714 e Ferla (SP) com área construída de 7.226.

Trata-se portanto de um FII de Tijolo – Imóveis Comerciais – Logístico; sua cota foi lançada a R$ 1.000,00 e teve início de negociação em bolsa em Janeiro/12.

O fundo contava com uma reserva de R$ 8 milhões, cerca de 15% residual da captação e que tem impactado o rendimento do fundo (a renda de aluguel é superior ao rendimento financeiro do capital investido); usou o valor para adquirir mais um prédio, imóvel ASPRO situado na Rodovia do Café – BR 277, Km 107, em Campo Largo – PR.

Numa operação de sale and leaseback, na qual o imóvel foi comprado, pelo Fundo, da empresa ASPRO DO BRASIL SISTEMAS DE COMPRESSÃO LTDA (“Aspro”) pelo valor de R$ 6.843.500,00, e locado à própria Aspro pelo prazo de 10 (dez) anos pelo valor de aluguel inicial de R$ 68.435,00 mensais, corrigido anualmente pela variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo – IPCA. O imóvel é utilizado pela Aspro para armazenagem e fabricação de equipamentos para sistemas de compressão de gás natural.

FATO RELEVANTE: São Paulo/SP, 14 de março de 2013

(i) a empresa L. FERENCZI INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA, locatária do imóvel “Ferla”, está inadimplente com suas obrigações contratuais, conforme anteriormente relatado no Fato Relevante publicado em 01.02.2013; (ii) a Administradora CAIXA e a Consultora Imobiliária TRX Investimentos Imobiliários S.A. tentaram compor a situação de maneira não-litigiosa; no entanto, diante da manutenção do inadimplemento da Ferla, tiveram que tomar as medidas judiciais para resguardar os interesses do Fundo; (iii) assim, em 18.02.2013 foi proposta Ação de Despejo com Pedido Liminar, processo nº 0002775-45.2013.4.03.6100, em trâmite perante a 22ª Vara Federal da Seção Judiciária de São Paulo/Capital, cujo resumo do andamento está contido no Anexo I ao presente Fato Relevante; (iv) ressalta-se que a distribuição do mencionado processo não foi divulgada anteriormente por estratégia processual, com o intuito de se evitar que a empresa L. FERENCZI INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA adotasse qualquer medida preventiva para evitar o cumprimento da decisão judicial; (v) todavia, em 19.02.2013, a empresa L. FERENCZI INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA ajuizou pedido de Recuperação Judicial nos termos da Lei nº 11.101/05 (Lei de Falências e Recuperações de Empresas), distribuída perante a 2ª Vara Cível da Comarca de Itapevi/SP, processo nº 1000651-27.2013.8.26.0271, cujo resumo do andamento igualmente consta no Anexo II ao presente Fato Relevante; (vi) o deferimento da recuperação judicial à L. FERENCZI INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA, ocorrido em 01.03.2013, poderá impactar na retomada do imóvel.

A Administradora CAIXA e a Consultora Imobiliária TRX Investimentos Imobiliários S.A. prosseguem tomando todas as medidas cabíveis no sentido de preservar os interesses do Fundo diante desse fato e manterão os cotistas informados sobre o caso.

Taxas:
Administração: aproximadamente 0,41%a.a. sobre patrimônio liquido (mínimo R$ 20.000,00 mensais corrido pelo IPC-FIPE).
Taxa de administração tem parcela variável, ver artigo 8º do regulamento.
Gestão: 0,85%a.a. sobre o patrimônio liquido (mínimo R$ 20.000,00 mensais corrigido pelo IPC-FIPE).

RI: viter@caixa.gov.br, gedef@caixa.gov.br, gemob@caixa.gov.br

Anúncios

78 comentários sobre “CXTL11 – Caixa TRX Logística Renda

  1. Data da informação
    29/06/2018
    Data-base (último dia de negociação “com” direito ao provento)
    29/06/2018
    Data do pagamento
    13/07/2018

    Valor do provento por cota (R$)
    0,574143888650484

    * atrasaram o pagamento “de novo” ? rs

    Curtir

  2. Alguém tira a “pá” da mão dos homis… quanto mais cavam, mais afundam… encerra logo esse FII…

    COMUNICADO
    Comunicamos aos senhores cotistas do Fundo de Investimento Imobiliário CAIXA TRX Logística Renda
    (“Fundo”) que:

    (i) conforme informado em 29.03.2018 por meio de divulgação de Informe Anual referente ao
    exercício de 2017, o Fundo, por intermédio de escritório de advocacia contratado para atuar na
    defesa dos interesses do Fundo, distribuiu em outubro/2017 o processo n.º 5001815-
    27.2017.4.03.6144 (“Ação Anulatória”) na 1ª Vara Federal de Barueri, visando o cancelamento do
    lançamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) dos exercícios de 2010 a 2013 e o
    Imposto sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISSQN) incidente sobre a obra do imóvel de Itapevi,
    uma vez que durante esse período o imóvel estava acobertado pela isenção.

    (ii) por outro lado, o Município de Itapevi ajuizou a Execução Fiscal n.º 5000002-28.2018.4.03.6144
    em face do Fundo, considerando que o débito discutido na Ação Anulatória não estava garantido.

    Curtir

    • (iii) assim, para que o Fundo não fique sujeito à constrição em seu patrimônio em razão da ausência
      de garantia do débito, o Fundo realizou em 27.04.2018 o pagamento de Documento para
      Depósitos Judiciais ou Extrajudiciais à Ordem e a Disposição da Autoridade Judicial ou
      Administrativa Competente – DJE, no montante de R$ 337.876,34 no sentido de realizar o depósito
      judicial como garantia referente ao processo de Ação Anulatória a fim de evitar o bloqueio judicial,
      ou penhora das contas e/ou ativos do Fundo.

      (iv) cumpre ressaltar que, após o trânsito em julgado da Ação Anulatória, no caso de decisão favorável
      ao Fundo, poderá ser peticionado junto à instância judicial competente, ou ainda, poderá ser
      aguardada a decisão judicial quanto à devolução ao Fundo dos valores referentes ao depósito
      judicial em questão.

      Curtir

  3. Data-base (último dia de negociação “com” direito ao provento)
    30/04/2018
    Data do pagamento
    15/05/2018

    Valor do provento por cota (R$)
    1,26773177603224

    Período de referência
    04
    Ano
    2018

    o último cotista ou inquilino… leva as chaves lá na TRX, ok?

    -10% M/m -68% A/a

    Curtir

    • Uns 2% de yield(?)… complicado

      Apesar dos apesares, nao deveria um fundo assim(bem fundo! haha) durar pra sempre? Eles ainda vao conseguir ir alugando o imovel com uma renda miseravel, mas nunca dara uma rentabilidade boa aos investidores.

      Nao entendo mt o sentimento de quem ainda continua com a cota, ou o fato da cota simplesmente n ser negociada num preco que o yield valha a pena. Atualmente soh alguem bem doido ou que gosta de perder compraria… (pensando bem, aqui no brasil tem um mercado grande de miqueiro… hehe)

      Curtir

  4. como antecipamos: Schain decretada a Falência… Três consoantes na área… Cotista “arrolado” … e lerêêê
    https://tetzner.wordpress.com/noticias/comment-page-98/#comment-287194

    FII CX TRX (CXTL) Fato Relevante

    Comunicamos aos senhores cotistas do FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO CAIXA TRX LOGÍSTICA
    RENDA (“Fundo”) que:
    (i) foi anunciada em 01/03/2018 a convolação da Recuperação Judicial em Falência da Schahin
    Engenharia S.A., inscrita no CNPJ/MF sob nº 61.226.890/0001-49, locatária do imóvel do Fundo
    localizado no município de Macaé no Estado do Rio de Janeiro (“Locatária”).
    (ii) o Fundo foi arrolado em 10/2017 na lista de credores da Recuperação Judicial.
    (iii) diante da inconsistência nos valores apresentados, o Fundo contratou o escritório BRTA, que vem
    nos assessorando nos autos.

    Curtir

    • (iv) a Locatária vem descumprindo com as obrigações contratuais desde 08/2017, tendo sido inclusive
      divulgado fatos relevantes sobre o ocorrido.
      (v) a Administradora CAIXA e a Consultora Imobiliária TRX vem notificando a Locatária desde o primeiro
      momento do inadimplemento, alertando sobre o descumprimento contratual e a possibilidade de
      tomadas de medidas judiciais pelo Fundo.
      (vi) ressaltamos que a Administradora CAIXA e a Consultora Imobiliária TRX permanecerão
      acompanhando a situação da locatária e tomarão todas as medidas necessárias para a defesa dos
      interesses do Fundo.

      Curtir

  5. FII CX TRX (CXTL) AGE – Resumo das Deliberacoes – 09/01/2017 10:00

    Informamos aos senhores cotistas do FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO CAIXA TRX
    LOGÍSTICA RENDA (“Fundo”), CNPJ n.º 12.887.506/0001-43, o resumo das deliberações tomadas
    na Assembleia Geral Extraordinária de Cotistas, convocada pela Administradora e realizada no dia 9
    de janeiro de 2018.

    Inicialmente, a Administradora esclareceu que a proposta de locação foi efetuada pela empresa
    MAIAN IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO DE PRODUTOS QUÍMICOS LTDA, com sede na Avenida
    Portugal, nº 263, Bairro Itaqui, no Município de Itapevi, Estado de São Paulo, CEP 06.696-060,
    inscrita no CNPJ/MF sob o nº 08.704.392/0001-81.

    Curtir

  6. Tenho Certeza que o Cotista adoraria pagar performance e ter um FII decente… não essa bagunça…

    FATO RELEVANTE

    Comunicamos aos senhores cotistas do Fundo de Investimento Imobiliário CAIXA TRX Logística Renda (“Fundo”) que no mês de setembro/2017 a locatária do imóvel “Schahin” não efetuou o pagamento do aluguel mensal devido, impactando a distribuição de rendimentos de setembro/2017 que será realizada em 13/10/2017.

    Informamos que, após notificação encaminhada pelo Fundo, recebemos contranotificação da locatária do imóvel “Schahin” informando que pretende regularizar os alugueis atrasados até a primeira quinzena do mês de outubro/2017.

    Curtir

    • A Administradora e a Consultora Imobiliária do Fundo estão tomando todas as medidas cabíveis no sentido de buscar junto à locatária a regularização do pagamento do aluguel, com a inclusão de multa, juros e correção monetária, bem como avaliando as possíveis alternativas de cobrança por via judicial.

      e aí… vai fazer o que? já tem um imóvel há anos vago que o inquilino Ferla abandonou… o FII teve de pagar até pra remover o maquinário e restaurar o imóvel…

      Três Consoantes… não nega a falta de DNA…

      Curtir

    • CA RA CAS caiu mais! 89% no ano já…

      -22% mensal

      Data-base (último dia de negociação “com” direito ao provento)
      29/09/2017
      Data do pagamento
      13/10/2017

      Valor do provento por cota (R$)
      0,599735059798123

      Período de referência
      09
      Ano
      2017

      Curtir

  7. FATO RELEVANTE
    Comunicamos aos senhores cotistas do Fundo de Investimento Imobiliário CAIXA TRX
    Logística Renda (“Fundo”) que no mês de agosto/2017 a locatária do imóvel “Schahin” não
    efetuou o pagamento do aluguel mensal devido, impactando significativamente a distribuição
    de rendimentos de agosto/2017 que será realizada em 15/09/2017. O valor do aluguel do
    imóvel “Schahin” representa aproximadamente 59% do total dos alugueis recebidos pelo
    Fundo.

    Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s