XPIN11 – XP Industrial – FII

Objetivo e Política de Investimento do Fundo

O Fundo, constituído como condomínio fechado, tem prazo indeterminado de duração e é regido pelo presente Regulamento e pela legislação vigente. Para fins do Código ANBIMA Fundos de Investimento e das “Diretrizes de Classificação ANBIMA de Fundos de Investimento Imobiliário”, o Fundo é classificado como “FII Renda/Gestão Ativa/Outros”.

O objetivo do Fundo é a obtenção de renda e ganho de capital a ser obtido mediante a exploração de um ou mais Empreendimentos Imobiliários, por meio de aquisição de Ativos Imobiliários Industriais e/ou Logísticos, incluindo Imóveis para posterior construção, Imóveis em construção ou Imóveis Prontos, para posterior alienação, locação ou arrendamento.

O XP Industrial FII nasceu da parceria entre a XP Vista e a BBP – Brazilian Business Park. O fundo é detentor de 27 módulos nos condomínios empresariais CEA e Barão de Mauá, localizados à Rod. Dom Pedro I, km 87,5, São Paulo/SP.

No mês de Agosto de 2018, o fundo faturou valores de locação relativos aos imóveis já adquiridos, totalizando o montante de R$ 822 mil. Nas páginas 3 à 6, são detalhadas as informações sobre os imóveis e contratos de locação.

O processo de diligência dos ativos do pipeline foi concluído com êxito em Agosto de 2018, sendo que estima-se concluir a aquisição destes imóveis no mês de Setembro, procedendo assim com a alocação integral dos recursos captados.

Administrador: VÓRTX DTVM LTDA
CNPJ do FII: 28.516.325/0001-40
PL: R$ 190.466.391
Taxa de Administração: 7,25% sobre o fat. (mínimo de R$ 25mil)

RI: admfundos@vortx.com.br

Anúncios

13 comentários sobre “XPIN11 – XP Industrial – FII

      • Pessoal compartilhou um FR nos posts abaixo que falava dos inquilinos. Segue:

        (i) EQUALIV PHARMA INDÚSTRIA, COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO
        LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob nº 11.989.815/0001-61;
        (ii) SMART MODULAR TECHNOLOGIES DO BRASIL
        INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE COMPONENTES LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob nº 06.103.827/0001-07 (“Smart”);
        (iii) BRUKER DO BRASIL COMÉRCIO E REPRESENTAÇÃO DE PRODUTOS CIENTÍFICOS LTDA., inscrita no CNPJ/MF
        sob nº 04.755.378/0001-56;
        (iv) THC ARMAZÉNS GERAIS LTDA.-EPP, inscrita no CNPJ/MF sob nº
        10.394.664/0001-36; (v) COOPER STANDARD AUTOMOTIVE BRASIL SEALING LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob nº
        00.362.831/0008-80,

        Curtir

  1. FII XP INDL (XPIN) Esclarecimentos de consulta B3 / CVM

    COMUNICADO AO MERCADO
    FLUXO ESPERADO DE RECEITAS DE LOCAÇÃO

    Considerando o teor do fato relevante divulgado em 30 de outubro de 2018 e em atenção à comunicação encaminhada pela
    Superintendente de Acompanhamento de Fundos de Investimento em 30 de outubro de 2018, sob nº 265/2018, solicitando
    informar o reflexo nas receitas e futuras distribuições de rendimentos do Fundo, em decorrência da alocação da totalidade dos
    recursos captados no âmbito da 2ª emissão de cotas do Fundo e aquisição de imóveis da Império Empreendimento Imobiliário
    SPE LTDA, tendo em vista que o Fundo passou a auferir a renda dos alugueis a partir de 29 de outubro de 2018, VÓRTX
    DISTRIBUÍDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS LTDA., na qualidade de administrador do Fundo (“Administrador”), e XP
    VISTA ASSET MANAGEMENT LTDA., com sede na Cidade e Estado de São Paulo, na Av. Brigadeiro Faria Lima, 3.600, 10º andar,
    CEP 04538-132, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 16.789.525/0001-98, na qualidade de Gestor do Fundo (“Gestor”), vêm a público,
    apresentar ao mercado projeções de resultado do Fundo, em Reais por cota, contrapondo o resultado contendo a receita de
    locação dos Ativos Adquiridos e a receita financeira dos recursos aplicados, deduzidas as despesas do Fundo, após aquisição dos
    Ativos em Diligência.

    Curtir

  2. FII XP INDL (XPIN) Fato Relevante

    neste ato comunica ao
    mercado, em cumprimento ao disposto na Instrução CVM 472, que o Fundo (1) na presente data, adquiriu das
    proprietárias IMPÉRIO EMPREENDIMENTO IMOBILIÁRIO SPE LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob o nº
    10.300.874/0001-18 (“IMPÉRIO”), empresa do GRUPO BRAZILIAN BUSINESS PARK, pelo valor total de
    R$74.781.052,70 (setenta e quatro milhões setecentos e oitenta e um mil cinquenta e dois reais e setenta
    centavos), os imóveis objeto das matrículas n° 91.321, 91.309, 91.310, 91.311, 104.465, 104.466, 104.469,
    104.470, 104.471, 104.472, 104.473 e 104.474, todas do Ofício de Registro de Imóveis e Anexos da Comarca de
    Atibaia/SP, atualmente locados, aos locatários

    (i) EQUALIV PHARMA INDÚSTRIA, COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO
    LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob nº 11.989.815/0001-61;
    (ii) SMART MODULAR TECHNOLOGIES DO BRASIL
    INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE COMPONENTES LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob nº 06.103.827/0001-07 (“Smart”);
    (iii) BRUKER DO BRASIL COMÉRCIO E REPRESENTAÇÃO DE PRODUTOS CIENTÍFICOS LTDA., inscrita no CNPJ/MF
    sob nº 04.755.378/0001-56;
    (iv) THC ARMAZÉNS GERAIS LTDA.-EPP, inscrita no CNPJ/MF sob nº
    10.394.664/0001-36; (v) COOPER STANDARD AUTOMOTIVE BRASIL SEALING LTDA., inscrita no CNPJ/MF sob nº
    00.362.831/0008-80,

    de forma que o Fundo passa a auferir a renda dos respectivos alugueis a partir de 29 de
    outubro de 2018; e (2) renegociou os prazos de vigência das locações firmadas com a locatária Smart, tendo
    formalizado na presente data os aditivos para prorrogar os respectivos vencimentos para junho de 2032.

    Curtir

  3. FLUXO ESPERADO DE RECEITAS DE LOCAÇÃO
    VÓRTX DISTRIBUÍDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS LTDA., na qualidade de administrador do Fundo (“Administrador”),
    e XP VISTA ASSET MANAGEMENT LTDA., com sede na Cidade e Estado de São Paulo, na Av. Brigadeiro Faria Lima, 3.600, 10º
    andar, CEP 04538-132, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 16.789.525/0001-98, na qualidade de Gestor do Fundo (“Gestor”), vêm a
    público apresentar ao mercado projeções de resultado do Fundo, em Reais por cota, contrapondo (i) o resultado contendo a
    receita de locação dos Ativos Adquiridos e a receita financeira dos recursos aplicados, deduzidas as despesas do Fundo; e (ii) o
    resultado contendo a receita de locação dos Ativos Adquiridos, dos Ativos em Diligência e receita financeira (conforme
    identificados no Informe Mensal divulgado aos cotistas), deduzidas as despesas do Fundo. Estima-se concluir a aquisição dos
    Ativos em Diligência no mês de outubro, procedendo-se assim à alocação integral dos recursos captados e ao recebimento dos
    valores de locação de forma integral no mês de novembro, passíveis de distribuição integral no mês subsequente:

    Jul/18-> 0,22/cota
    Ago/18-> 0,22/cota
    Set/18-> 0,57/cota
    Out/18-> 0,62/cota
    Nov/18-> 0,61/cota
    Dez/18-> 0,78/cota
    Jan/19-> 0,76/cota

    Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s