XPML11 – Xp Malls – FII

O objetivo do Fundo é a obtenção de renda por meio da exploração imobiliária dos Ativos Imobiliários, bem como o ganho de capital, mediante a compra e venda de Ativos Imobiliários e a aplicação de recursos, preponderantemente em Ativos Imobiliários.

O XP Malls é um Fundo de Investimento Imobiliário, constituído sob a forma de condomínio fechado, classificado pela ANBIMA como “FII Renda/Gestão Ativa/Shoppings”, cujo objetivo é a obtenção de renda por meio da aquisição e exploração imobiliária de shopping centers e/ou correlatos, bem como o ganho de capital, mediante a compra e venda de ativos.

O Fundo possui atualmente participação em 7 empreendimentos (incluindo os ativos objeto da Transação acima), todos em capitais e geridos por empresas de capital aberto do setor, garantindo alto nível de governança e alinhamento de longo prazo: 16,99% do Shopping Cidade Jardim (JHSF), 8,00% do Shopping Cidade São Paulo (CCP), 32,00% do Catarina Fashion Outlet (JHSF), 35,0% do Caxias Shopping (Aliansce), 24,99% do Shopping Bela Vista (JHSF), 25,00% do Parque Shopping Belém (Aliansce) e 39,99% do Shopping Ponta Negra (JHSF).

O Fundo tem prazo de duração indeterminado
Administrador:  BTG
Gestão:  XP
Preço de Subscrição: R$ 100,00 (cem reais) por Cota
Taxa de Administração: 0,95% a.a.
Rentabilidade alvo: 7,00% a.a
O Fundo pretende ter um portfólio diversificado e está negociando empreendimentos que possuam as seguintes características:

(i) empreendimentos já em funcionamento;
(ii) localizados em todo o território brasileiro;
(iii) inseridos em cidades com mais de 250 mil habitantes;
(iv) ABL (Área Bruta Locável) superior a 15.000 m2;
(v) que possuam dados demográficos (potencial de consumo, número de habitantes e renda per capita) em suas respectivas áreas de influência
compatíveis com a ABL (Área Bruta Locável) instalada da região;
(vi) cujo administrador seja renomado nacionalmente, e idealmente que seja também sócio do empreendimento.

Caxias Shopping: 51% (administradora Aliansce)
Parque Shopping Belém: 41% (administradora Aliansce)
Shopping Cidade São Paulo: 8% (administradora CCP)
JHSF:
16,99% do Shopping Cidade Jardim, em São Paulo/SP;
32,00% do Catarina Fashion Outlet, em São Roque/SP;
24,99% do Shopping Bela Vista, em Salvador/BA;
39,99% do Shopping Ponta Negra, em Manaus/AM.

Anúncios

328 comentários sobre “XPML11 – Xp Malls – FII

  1. … a administradora e de gestora, respectivamente, do XP MALLS FUNDO DE
    INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII inscrito no CNPJ/MF sob o nº 28.757.546/0001-
    00 (“XP Malls”) ou (“Fundo”), proprietário de 25% do imóvel localizado na Rodovia Augusto
    Montenegro nº 4.300, na cidade de Belém no estado do Pará (“Parque Shopping Belém”), vem
    por meio deste informar aos cotistas e ao mercado em geral que o XP Malls recebeu o valor de
    R$ 497.405,01 (quatrocentos e noventa e sete mil, quatrocentos e cinco reais e um centavo)
    referente à venda de fração ideal de terreno detido pela Norte Shopping Belém, sociedade da
    qual o Fundo detinha participação quando da aquisição do Parque Shopping Belém, conforme
    comunicado ao mercado no dia 15/03/2018, valor este recebido em maio/2019.
    Com este recebimento, a distribuição de rendimentos do XP Malls será impactada
    positivamente em aproximadamente 10,28%, com base na última distribuição realizada,
    representando R$ 0,05244/cota.

    Curtir

  2. A BTG PACTUAL SERVIÇOS FINANCEIROS S.A. DTVM, com sede na cidade do Rio de Janeiro,
    Estado do Rio de Janeiro, na Praia de Botafogo, nº 501, 5º andar, inscrita no CNPJ/MF sob o nº
    59.281.253/0001-23 (“Administradora”), na qualidade de administradora e a XP VISTA ASSET
    MANAGEMENT LTDA., com sede na Av. Brigadeiro Faria Lima, 3.600, 10º andar, conjuntos 101
    e 102, no município de São Paulo, estado de São Paulo, inscrita no CNPJ/MF sob n°
    16.789.525/0001-98 (“Gestora”), na qualidade de gestora do XP MALLS FUNDO DE
    INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 28.757.546/0001-00, código
    CVM nº 31707-7 (“XP Malls”), comunica aos seus cotistas e ao mercado em geral, que celebrou
    nesta data os documentos definitivos da transação (“Transação”) para aquisição de participação
    no Santana Parque Shopping, equivalente a 15,00% (quinze por cento) no empreendimento
    (“Ativo”), conforme informado no Comunicado ao Mercado divulgado em 19 de dezembro de
    2018.
    O montante da Transação é de, inicialmente, R$54.000.000,00 (cinquenta e quatro milhões de
    reais) (“Preço”), sendo 70% do Preço pago nesta data e 30% do Preço a ser pago em 31 dias,
    acrescido da correção pelo CDI neste período. Ainda, baseado no resultado operacional líquido
    do Ativo nos próximos 12 meses, o Preço poderá ser acrescido de um earn-out a ser pago ao
    final do período.

    Curtido por 2 pessoas

  3. XP MALLS FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII
    CNPJ/MF nº 28.757.546/0001-00
    COMUNICADO AO MERCADO
    A BTG PACTUAL SERVIÇOS FINANCEIROS S.A. DTVM, com sede na cidade do Rio de Janeiro,
    Estado do Rio de Janeiro, na Praia de Botafogo, nº 501, 5º andar, inscrita no CNPJ/MF sob o nº
    59.281.253/0001-23 (“Administradora”), na qualidade de administradora e a XP VISTA ASSET
    MANAGEMENT LTDA., com sede na Avenida Presidente Juscelino Kubitschek, 1.909, 30º andar,
    Torre Sul, na cidade de São Paulo, estado de São Paulo, inscrita no CNPJ/MF sob o nº
    16.789.525/0001-98 (“Gestora”), na qualidade de gestora do XP MALLS FUNDO DE
    INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 28.757.546/0001-00, (“XP
    Malls”), comunica aos seus cotistas e ao mercado em geral que, em 09 de maio de 2019, foram
    encerradas as negociações com o FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII FLORIPA
    SHOPPING (“FII Floripa”), referentes a uma possível aquisição de participação de
    aproximadamente 29% no Floripa Shopping, conforme informado nos Comunicados ao Mercado
    divulgados em 20 de dezembro de 2018 e 8 de Fevereiro de 2019, uma vez que as partes não
    chegaram a um consenso quanto aos termos finais da transação. O encerramento das
    negociações não resultará em penalidades para nenhuma das partes.
    O XP Malls reitera o compromisso de manter os cotistas e o mercado em geral devidamente
    informados nos termos da legislação aplicável.
    Permanecemos à disposição para prestar quaisquer esclarecimentos adicionais que se façam
    necessários.
    Atenciosamente,
    São Paulo, 10 de maio de 2019
    BTG PACTUAL SERVIÇOS FINANCEIROS S.A DTVM
    (Administradora do Fundo)
    XP VISTA ASSET MANAGEMENT LTDA.
    (Gestora do Fundo)

    Curtir

    • E isso vai ficar “barato” ? Não há nenhuma consequência / punição para o fundo, não ? Quer dizer … vou ao mercado com o pretexto de que tenho intenção de adquirir algo para apenas dizer que não foi possível ? Não deveria ir ao mercaod se e somente se houvesse negociado firmemente algo de concreto ? Q estupidez … pode isso, Arnaldo ?

      Curtir

      • Pensei igual…..

        BTG sempre no meio de algo…..já a XP espero que não vá pro mesmo caminho. Já fez muita bobagem no passado, errou feio com alguns fundos e com seus cotistas. Parou, pensou e estruturou uma área mais “séria” para os FII.

        Tem feito um bom trabalho com os relatórios de seus fundos próprios e tem ouvido mais seus cotistas. Mas se deixar cair na tentação do BTG…vai escolher um caminho ruim. Pode ate levar a maior arrecadação no curto prazo, mas depois fica manchada como gestora e pronto….vai pro limbo na preferência dos investidores.

        OPs…claro que não posso deixar de pensar que é uma pura coincidência. Pois pode ter tudo a ver com negociações isentas entra duas partes, que são focadas 100% no interesse de seus clientes e não visam os seus próprios. 🙂

        Valeu!!!

        Curtir

  4. JHSF | Release de Resultados do 1T19

    Release de Resultados 1T19
    ITR 1T19
    Destaques Operacionais

    Renda Recorrente: crescimento de Vendas dos Lojistas de 14,1%, SSS +6,9%, SAS +7,3%, SSR +5,9%, SAR +5,6%, Taxa de Ocupação de 96,2%;
    Incorporação: crescimento de vendas no empreendimento Fazenda Boa Vista;
    Aeroporto Executivo: pavimentação da pista em fase final e construção em ritmo acelerado dos hangares.
    Destaques Financeiros

    Crescimento de 50,6% do Resultado Bruto, de 41,7% no Ebitda Ajustado Consolidado e de 204,6% do Resultado Líquido Consolidado, com Margem de 13,5%, melhora de 32,9 pontos percentuais;
    Redução da Dívida Líquida em 39,5%.

    Curtir

  5. Data da informação
    17/04/2019
    Data-base (último dia de negociação “com” direito ao provento)
    17/04/2019
    Data do pagamento
    25/04/2019
    Valor do provento por cota (R$)
    0,54
    Período de referência
    Marco

    Curtir

    • OUTLET não é mm coisa que shopping. é inferior. só oferece mercadoria. não oferece serviços, alimentação nem entretenimento. eu particularmente não aprecio comprarem outlet ao inves de shopping

      Curtir

  6. JHSF | Comunicado ao Mercado – Aumento de Participação do XP Malls FII no Catarina Fashion Outlet

    A JHSF Participações S.A. (“JHSF3”) e a JHSF Malls S.A. (“Malls”) comunicam que a Malls firmou nessa data Carta de Intenções Vinculante para aumento da participação (“Transação”) detida pelo XP MALLS FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII, inscrito no CNPJ/MF sob nº 28.757.546/0001-00, código CVM nº 31707-7 (“XPML11”) no empreendimento Catarina Fashion Outlet.

    O XPML11 ampliará em 17,99%, sua participação, pelo valor aproximado de R$111,9 milhões, de forma a atingir 49,99% do empreendimento atual após conclusão da Transação, que está sujeita a condições usuais em operações dessa natureza.

    A Malls utilizará os recursos líquidos da Transação na Expansão 3 do Catarina Fashion Outlet (Expansão 3).

    A Expansão 3 será, terá no mínimo 68% dessa etapa detida pela Malls, tendo o XPML11 o direto de participar com os 32% restantes nas mesmas condições que as da Malls.

    A JHSF3 e a Malls manterão o Mercado informado acerca da Transação.

    Curtido por 2 pessoas

    • POdem falar o que quiser….. este FII de Shopping esta muito bem organizado 🙂

      Pegando o ultimo relatorio e comparando com o VISC ja da pra ver o que uma gestão mais ativa e dinheiro bem alocado fazem pelo FII:

      SSS 8% X 3,9% A favor do XPML
      Aumento nas vendas de 17,7% X 11% A favor do XPML
      Inadimplencia Liquida 1% X 5,9% A favor do XPML
      SSR 6% X 0,3% A favor do XPML

      Ok, irei entender quando postarem que não podemos comparar o ultimo relatorio ja que o VISC ta com uma bolada parada na RF. E que o XPML ta surfando a onda da ultima aquisição. Beleza….mas ainda assim não deixa de mostrar que relatorio atras de relatorio o XPML vem bombando numa velocidade melhor e maior do que o VISC.

      E isso resulta na minha humilde opiniao em fortalecimento e constancia nos rendimentos e valorização do FII como um todo. Mostra tb que saber alocar e ter agilidade na alocação fazem a maior diferença. Os numeros do XPML vieram bons e fortes, consolidando a gestão como profissional e boa. As aquisições do VISC tb se refletiram nos numeros, mais em menor dimensão quando analisadas separadamente. Será mais um ponto pra gestão do XPML ou apenas fator sorte?

      Claro que o desconto nas taxas tb pesa. Mais o VISC tb usa deste artificio. O Visc so usa quando precisa. O XPML vai levar o desconto ate 2020.

      Sou fã da gestão do VISC e sei que no lonogo prazo o FII vai seguir seu caminho e agregar valor. Mas não da pra não enxergar o trabalho bem feito por hora neste fundo aqui.

      Estou cometendo algum equivoco em falar e pensar isso? Se algum amigo tiver uma visao diferente ou discordar gostaria de ouvir. Adora bons debates e visões distintas de uma mesma coisa 😉

      Valeu!!!

      Curtido por 5 pessoas

      • Infelizmente não vamos ter um debate, pois concordo com seu raciocínio. Admito que tinha um certo preconceito com esse fundo por causa do gestor e do administrador. Mas é impossível ignorar o quanto o fundo está evoluindo. Entendo a comparação com o VISC11, e concordo plenamente. Apesar da da imagem do VISC11 andar um pouco arranhada, acho que existe espaço para ambos em uma carteira, com ativos em estágios diferentes de maturação e públicos diversos. Além de XPML11 compensar a baixa presença de VISC11 em São Paulo, o que sempre achei um ponto fraco do fundo. Essa parceria com a JHSF também parece ter sido um grande acerto da gestão, tomara que se confirme.

        Curtido por 1 pessoa

      • Eu não faria uma comparação direta dos dois FIIs, especialmente pelo formato das captações: VISC fez emissão para então comprar ativos e XPML fez para pagar a dívida assumida na compra do pacote JHSF.

        Foi uma alavancagem mesmo que disfarçada mas foi… e só rolou porque tem a Xis na jogada.

        RJ x SP: mais que isso temos shops maturados em um e em maturação no outro… o desempenho é bem diferente mesmo e lembro que no ápice da crise, surpreendeu que não foram afetados apesar da hecatombe carioca

        ah e XPML tem Taxa de Performance que ainda não foi ativada, mas pode frear bem o sprint final

        tudo isso pra dizer são diferentes, como temperos, sabendo usar…

        Curtido por 3 pessoas

      • Último informe do Visc……. PL:100,4…..,, taxa de administração de 890 mil para distribuição de 4,9 milhas. Tá pesado ainda, vamos comparar quando sair a do Xpml.

        Curtir

      • A tx % do Visc é maior que a do Xpml… com o desconto é o dobro praticamente… mas se a inflação cair ou ficar na meta, o freio de mão da performance do Xis ativa. Inclusive é mais negócio pra Xis zerar a Tx de Adm e turbinar a performance

        Curtido por 1 pessoa

      • Apenas bancando o advogado do diabo, vale lembrar que o visc também usou recursos da emissão para quitar dívidas, inclusive contra a vontade do gestor, já que a dívida era longa e investir o dinheiro em aquisições era mais vantajoso que amortizar (ex. a aquisição do Granja Viana). Depois, por pressão dos cotistas, parte da segunda emissão foi usada no pagamento da dívida. Acredito que acabaria sendo um caminho natural diante da dificuldade de alocação, mas na época foi por pressão dos cotistas.
        Quanto ao desconto das taxas, pode-se enxergar de diferentes modos. Quando o XPML começar a cobrar, com certeza terá um impacto, mas já teremos um fundo mais estruturado. Qual seria o impacto para o fundo se essa taxa fosse cobrada desde o inicio? Hoje a mensagem passada parece melhor que a do visc. A do xpml seria algo como “me dê um tempo para trabalhar, e depois eu recebo a minha parte.” A do visc seria ” se algo der errado, eu abro mão de parte do que já recebo para compensar vocês”.
        Mas, reforçando, não acho que são concorrentes. Tem espaço para ambos, com suas virtudes e seus defeitos.

        Curtido por 2 pessoas

      • ZAC

        eram CRIs… bem diferente da ‘garantia’ Xis de compra

        mas mesmo assim, virou resultado rapidinho, certo?

        talvez seja esse o formato mais ‘ágil’ a se usar pra garantir o retorno, ou seja, primeiro compra depois corre atrás do dinheiro rsrs

        Curtir

      • Não pago 108 no que acho que vale 101, pago 102 no acho que vale 102. Ambos têm espaço na carteira mas um definiu o valor do cheque e o outro quer o cheque em branco(Visc).

        Curtir

      • O problema como diz o Tetzner é a XTRETA. Parece que compraram uma fração de shopping por 20 mil reais o m2 da JSH, pagaram caro. E aí entra porque pagaram caro XTRETA? Precisa desenhar?

        Curtir

      • Entendo e não discordo. Só que como investidor de Fii quero que o fundo que estou aplicado me entregue x de renda. Se mantiver isso estará bom pra mim. A gestão esta deixando o fundo bem montado para ser consistente no longo prazo. Os números mostram isso por hora quando comparado a outros.
        Concordo muito com vcs que a gestão e forma de atuar nos seus próprios produtos é agressiva e muitas vezes falta com “finesse” para com a concorrência. Fora as xtretas corriqueiras.
        Enfim…vamos que vamos. Ainda não tenho este fundo, mas esta no meu radar.
        Valeu!!!

        Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s