PQDP11 – Parque Dom Pedro Shopping Center

O Fundo é administrado pelo BTG Pactual, em regime de condomínio fechado, com prazo indeterminado de duração.

Seu objetivo foi a aquisição participação no Shopping Parque Dom Pedro em Campinas –  SP, visando a exploração comercial do empreendimento com locação.

O Fundo possui 288.672 cotas, que correspondem à 18%, do FII Shopping Parque D. Pedro(SHDP11) que, por sua vez, detém 85% do imóvel Shopping Parque Dom Pedro.

O Fundo também é proprietário de 15% do empreendimento denominado “Shopping Parque Dom Pedro”, integralmente finalizado e destinado à exploração comercial por meio da locação de suas atuais lojas.

PQDP11

Trata-se portanto de um FII de Tijolo – Shoppings Centers.

O Shopping tem 185 mil m² de área construída, pertence ao grupo português Sonae e seu projeto foi inspirado em parques temáticos.

Conta com 404 lojas sendo: 31 âncoras, 314 satélites, 59 de alimentação, 15 de cinemas, teatro, área de serviço e lazer; além de 8.000 vagas de garagem.

Taxas:
Administração: 0,23%a.a. sobre patrimônio liquido (mínimo R$ 20.000,00 mensais corrido pelo IGPM).

RI: sh-contato-fundoimobiliario@btgpactual.com

Tutor do FII: Mbp77

Anúncios

1.375 comentários sobre “PQDP11 – Parque Dom Pedro Shopping Center

  1. FATO RELEVANTE – Sonae Sierra Brasil S.A.

    Sonae Sierra Brasil S.A. (“Companhia”)(B3: SSBR3), em observância aos termos da Instrução CVM nº 358/02, conforme alterada, e em continuação aos fatos relevantes divulgados em 4 de julho e 3 de dezembro de 2018, comunica aos seus acionistas e ao mercado em geral, no âmbito da notícia intitulada “Aliansce e Sonae estão perto de fechar acordo para fusão” publicada em 21 de março de 2019 no website do “Valor PRO”, que seus acionistas controladores informaram à Companhia que têm mantido tratativas com os acionistas controladores da Aliansce Shopping Centers S.A. (B3: ALSC3) (“Aliansce”), para uma potencial combinação dos negócios da Companhia com os da Aliansce (“Transação”). Não obstante, os Acionistas Controladores da Companhia informaram que, até a presente data, há apenas um memorando de entendimentos não vinculante consubstanciando acertos preliminares entre as partes, que não incluem a escolha dos executivos que comporão a administração da eventual nova companhia combinada, sendo que os termos definitivos da Transação continuam sujeitos às negociações entre as partes e à sua adequada formalização. A Companhia manterá seus acionistas e o mercado informados e voltará a comentar o assunto, caso seja concretizado qualquer fato que deva ser divulgado, na forma da lei e da regulamentação da CVM.

    São Paulo, 21de março de 2019.

    Curtir

      • A transação pode criar uma companhia com valor de mercado da ordem de R$ 6 bilhões, com base nas cotações das ações ontem. Juntas, as empresas possuem administração ou detêm participação em 39 shoppings.

        Curtido por 2 pessoas

      • A Aliansce é a segunda maior administradora de shoppings do país, com 20 operações próprias e dez de terceiros. No portfólio da empresa estão, por exemplo, a rede Boulevard em seis cidades, como Brasília, Belo Horizonte e Bauru (SP) e o shopping West Plaza, em São Paulo (SP). O principal acionista da companhia é o fundo canadense CPPIB.

        Já a Sonae Sierra Brasil é controlada pelo maior grupo empresarial português. No país, a empresa administra nove shoppings, incluindo o Plaza Sul e o shopping Campo Limpo, em São Paulo.

        Curtido por 2 pessoas

      • Não sei se entendi, mas se vc tem um produto puro sangue quando mistura com outros vira meio sangue. Não li direito depois vou analisar, será q não é treta dá btg

        Curtir

  2. Parceria da Sonae com a Rappi

    Em fevereiro de 2019, firmamos parceria com a Rappi, um dos maiores aplicativos de delivery da América Latina. Com esta parceria, os usuários do aplicativo poderão comprar produtos das lojas dos shoppings da Companhia por meio de personal shoppers,profissionais especializados em realizar as compras e atender aos clientes em tempo real. Estes profissionais realizarão as compras e os clientes receberão os produtos via entregadores da Rappi.

    O Parque D. Pedro Shopping foi o primeiro shopping do portfólio a receber uma base da Rappi, ainda em fevereiro. Os próximos shoppings que deverão contar como mesmo serviço são o Metrópole, Plaza Sul, Passeio das Águas, Boulevard Londrina e Manauara.

    Além disso, o projeto piloto para a criação de um marketplace no Parque D. Pedro Shopping, outro projeto inovador com essa perspectiva, deve começar a gerar resultado no 2S19.

    Curtido por 3 pessoas

    • A iniciativa é muito boa. Da um maior horizonte de vida e agrega novos potenciais aos Shoppings.

      Alguns shoppings estão transformando suas praças de alimentação em local de espera de entregadores de ifood e etc. Isso ao meu ver precisa mudar ou ser organizado em breve. Vc vai com a familia e fica em filas de entregadores com aquelas mochilas grandes…fica algo desconfortável. Nestes dias na fila o assunto era futebol e foram falados muito palavroes. Fila de lanchonete onde estavam crianças com seus pais. OK, sei que não podemos controlar o que os outros falam…mas se as lojas e gerencia deixarem os entregadores se aglomerarem em qualquer local vai afastar os demais clientes.

      A pergunta é como organizar isso? Essa parceria mostra um caminho. Para compras de produtos não alimentícios ta resolvido. E para as comidas? Tem solução?

      Muito interessante ver e sentir as mudanças. Os Shopping são dentro dos FII o setor que mais tem a evoluir com a tecnologia e com a nova onda de consumidores e com a forma de consumir. Vejo com bons olhos esse futuro.

      O que vcs acham? Ja perceberam isso que postei?

      Valeu!!!

      Curtido por 3 pessoas

    • Obrigado Chico 64, apenas conferi o Relatório Financeiro que sai pro volta do dia 20.

      O RF, mostra que o lucro líquido ( antes dos ajustes com reserva de contingencia, previsão de inadimplência, etc.., foi de R$ 16,04/cota…Eles tem que repor a reserva que foi usada na contra do edifício anexo.
      Abs

      Curtir

  3. PQDP,
    Quem for operar “forte” com o PQDP (comprar/vender) recomendo analisar o RF de Dezembro disponibilizado hoje no site da Administradora…
    Não sei se existe algum erro ( talvez o titular esteja em férias) ou se já estão “compensando” a reposição do dinheiro/reserva usado na compra do Anexo em Outubro, mas está mostrando que a próxima distribuição será apenas de R$ 12,8132…
    Estou em viagem e não foi possível analisar os números em profundidade
    Abs

    Curtido por 4 pessoas

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s