PQDP11 – Parque Dom Pedro Shopping Center

O Fundo é administrado pelo BTG Pactual, em regime de condomínio fechado, com prazo indeterminado de duração.

Seu objetivo foi a aquisição participação no Shopping Parque Dom Pedro em Campinas –  SP, visando a exploração comercial do empreendimento com locação.

O Fundo possui 288.672 cotas, que correspondem à 18%, do FII Shopping Parque D. Pedro(SHDP11) que, por sua vez, detém 85% do imóvel Shopping Parque Dom Pedro.

O Fundo também é proprietário de 15% do empreendimento denominado “Shopping Parque Dom Pedro”, integralmente finalizado e destinado à exploração comercial por meio da locação de suas atuais lojas.

PQDP11

Trata-se portanto de um FII de Tijolo – Shoppings Centers.

O Shopping tem 185 mil m² de área construída, pertence ao grupo português Sonae e seu projeto foi inspirado em parques temáticos.

Conta com 404 lojas sendo: 31 âncoras, 314 satélites, 59 de alimentação, 15 de cinemas, teatro, área de serviço e lazer; além de 8.000 vagas de garagem.

Taxas:
Administração: 0,23%a.a. sobre patrimônio liquido (mínimo R$ 20.000,00 mensais corrido pelo IGPM).

RI: sh-contato-fundoimobiliario@btgpactual.com

Tutor do FII: Mbp77

Anúncios

1.241 comentários sobre “PQDP11 – Parque Dom Pedro Shopping Center

  1. Sobre o fato relevante para aquisição do Bloco 1B (EUC A-103) – Loja da C&A, se eu entendi bem será usada a reserva de contingência para os 15% correspondentes ao PQDP e para os 85% do SHDP, além de haver redução da distribuição até o pagamento integral, também será usada a reserva de contingência , o que por evidente refletirá nos rendimentos de ambos os fundos. É isso?

    Curtir

  2. CONFUSÃO NESTE DOMINGO ( DIA 23.09.18) NO SHOPPING D. PEDRO POR MANIFESTAÇÕES ELEITORAIS…

    Neste último Domingo, movimentos sociais e simpatizantes do PT, marcaram pelas redes sociais um “LULAÇO” na Área de Alimentação do Shopping e houve confusão e brigas em confronto com pessoas contrárias ao encontro…Vi um video ( feito por um amigo), com bastante brigas em frente da loja Forever 21 e nos corredores laterais da Área de Alimentação…
    A segurança teve que intervir muito forte para evitar danos e acalmar a situação…

    Se a “moda pega” este tipo de evento vai gerar prejuízos aos shoppings…. Tá parecendo encontro marcado pelas redes sociais entre Torcidas Organizadas… POLÍCIA TEM QUE FICAR ATENTA NAS REDES SOCIAIS PARA EVITAR ESTA BAGUNÇA…

    Triste Brasil !

    Curtir

  3. Era esperado (já haviam cantado a bola faz tempo) mas segundo a noticia creio que agora é oficial e a Fnac está fechando as portas de vez. A única Fnac em Campinas fica no PQDP logo, um enorme espaço ficará vago por lá.

    Segue a noticia que saiu no Estadão de hoje:

    Fnac fecha as portas na Avenida Paulista; só resta uma loja no Brasil

    A Fnac Pinheiros fechou em junho; nos últimos dias, a Livraria Cultura, que comprou, há pouco mais de um ano, as operações da rede francesa no Brasil, fechou, também, as lojas do Shopping Morumbi, de Campinas, Curitiba e Brasília
    6.0k

    Maria Fernanda Rodrigues
    17 Setembro 2018 | 15h31
    Há 14 meses, a Livraria Cultura anunciou que havia adquirido as operações da rede francesa de livrarias Fnac no Brasil – um movimento que causou estranheza, num primeiro momento, para o mercado editorial, já que a própria Cultura vinha enfrentando uma séria crise financeira – uma crise que está longe de ter fim. Se devia dinheiro para seus fornecedores, como poderia fazer um negócio como esse, questionavam profissionais do setor.

    Na realidade, a Cultura comprou a operação da Fnac, mas acabou recebendo dinheiro da empresa francesa para renegociar passivos – e retomar a rentabilidade das lojas ou então acabar de vez com a presença da empresa no País. A segunda alternativa foi ficando evidente com o fechamento em cadeia das lojas da Fnac iniciado há alguns meses – a Fnac Pinheiros, sua primeira no Brasil, fechou em junho – e intensificado nos últimos dias com o encerramento das unidades do Shopping Morumbi, Campinas, Curitiba e Brasília.

    No domingo, 16, quem passou pelo número 901 da Avenida Paulista viu as portas da loja fechada e o aviso de que a livraria continuava atendendo pelo seu site.

    Com essa notícia, a Fnac está a um passo de sair de vez do Brasil. Agora só resta a loja do Shopping Flamboyant, em Goiânia – e não se sabe até quando.

    Procurada para comentar o fechamento da loja da Paulista, o futuro da de Goiânia e seu próprio futuro, a Cultura respondeu, por meio de sua assessoria de imprensa, que “não comentará nem divulgará dados das suas operações”. Disse ainda: “A Livraria Cultura segue o seu planejamento estratégico para os próximos anos: manter unidades com boa performance, procurando sempre melhorar a experiência do cliente em loja, e reforçar a presença em e-commerce”.

    Curtir

  4. SHDP –
    Renda do “irmão” subiu 12,7% sobre o mês anterior.

    De R$ 5,817365 (Agosto) para R$ 6,557364 (Setembro) conforme publicado há alguns minutos…

    Mantida a relação histórica, no próximo mês o PQDP pode apresentar um rendimento em torno de R$ 14,50 / 14,80.

    Abs.

    Curtido por 3 pessoas

  5. Olá. Almocei no PQDP hoje às 11:30h.
    Pela minha visão: estacionamento com 10% das vagas ocupadas. Mesas na área de alimentação até 2 % ocupadas. Sem clientes nas lojas. Alguém este no BH Shopping nesse mesmo momento e observou se lá o movimento estava melhor? O BH Shopping é um que uso como referência. Obrigado.
    Abraços.

    Curtido por 1 pessoa

      • Não há como afirmar que um empreendimento sofre com queda expressiva no movimento por conta de visitas feitas no meio semana e em horário de almoço, período em que é normal uma diminuição no fluxo de pessoas em qualquer shopping.
        Isso deve ser analisado via consulta aos relatórios mensais na comparação vis a vis anual.
        Ademais, penso que a nova expansão pretendida – com a construção de lajes corporativas dentro do imóvel/terreno em que fica o Dom Pedro – vai agregar muito ao negócio, especialmente em dias úteis da semana (almoço, compras, entretenimento, estacionamento, etc.).
        Seja em fluxo de pessoas que lá trabalharão, seja em diversificação na fonte de renda do fundo (além da área varejista, já conhecida).
        Mais fácil o “Cirão da massa” deixar a política, numa eventual vitória presidenciável de Bolsonaro, do que o PQDP vir a se tornar um péssimo negócio simplesmente da noite para o dia.
        Sds.

        Curtido por 3 pessoas

  6. FATO RELEVANTE

    A BTG PACTUAL SERVIÇOS FINANCEIROS S.A. DTVM, instituição financeira, com sede na Cidade e Estado do Rio de Janeiro, localizada à Praia de Botafogo, 501, 5º Andar (Parte), Torre Corcovado, Botafogo, Rio de Janeiro, Brasil, CEP 22250-040, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 59.281.253/0001-23, devidamente credenciada na Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”) como administradora de carteira, de acordo com o Ato Declaratório CVM nº 8.695, de 20 de março de 2006 (“Administradora”), na qualidade de administradora do FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII SHOPPING PARQUE DOM PEDRO, do FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII PARQUE DOM PEDRO SHOPPING CENTER, em conjunto “Fundos”, e do FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO – FII COMERCIAL PROGRESSIVO II (“FII CPII”),

    vêm pela presente informar aos cotistas e ao mercado em geral que nesta data de 09 de agosto de 2018, os Fundos assinaram um Protocolo de Intenções Não Vinculante (“Protocolo”) com o FII CPII, para a aquisição da unidade autônoma designada como Bloco 1B (EUC A-103) do Shopping Parque Dom Pedro situado na Avenida Guilherme Campos, nº 500, na cidade de Campinas/São Paulo, objeto da Matrícula nº 118.068 registrada no 2º Serviço de Registro de Imóveis da comarca de Campinas/SP (“Imóvel”).

    Curtido por 2 pessoas

  7. Sonae Sierra Brasil S.A – RELATÓRIO DE RESULTADOS 2T18

    São Paulo, 8 de agosto de 2018 – Sonae Sierra Brasil S.A. (B3: SSBR3), uma das principais incorporadoras, proprietárias e administradoras de shopping centers do Brasil, anuncia seus resultados referentes ao segundo trimestre de 2018.

    DESTAQUES

    • A taxa de ocupação cresceu para 93,7% ao final de junho de 2018, impulsionada pelo aumento de 2 pontos percentuais de aumento no Passeio das Águas Shopping. Seis de nossos nove shoppings registraram aumento de suas taxas de ocupação frente ao trimestre anterior.

    • A receita líquida totalizou R$ 72,1 milhões no segundo trimestre de 2018, aproximadamente 1% maior que no 2T17. No 1S18, a receita líquida cresceu 2,6% em comparação com o 1S17, totalizando R$ 144,4 milhões.

    • O EBITDA cresceu 12,0% no 2T18, atingindo R$ 50,2 milhões, influenciado por menores descontos temporários e menores custos e despesas. No primeiro semestre de 2018, o EBITDA ultrapassou a marca dos R$ 100 milhões, crescendo 13.0% em comparação com o primeiro semestre de 2017.

    • Seguindo o crescimento de dois dígitos do EBITDA no segundo trimestre de 2018, o FFO cresceu 15,1% no período, atingindo R$ 28,2 milhões. Na primeira metade de 2018, o FFO totalizou R$ 55,9 milhões, forte aumento de 27,9% sobre o mesmo período do ano passado.

    • As vendas dos lojistas caíram 2,1% no 2T18, negativamente impactadas pela sazonalidade da Páscoa, pela greve dos caminhoneiros e pela Copa do Mundo. Considerando o primeiro semestre de 2018, as vendas cresceram 1,2%.

    • As vendas nas mesmas lojas (SSS) também fecharam o trimestre no campo negativo, com queda de 2,2% em comparação ao 2T17. Nos primeiros seis meses do ano o indicador cresceu 0,7%.

    • Influenciado pela queda dos descontos, o indicador de aluguéis nas mesmas lojas (SSR) cresceu 2,8% no 2T18. No 1S18, o indicador cresceu 3,2% em comparação com o mesmo período de 2017.

    Curtido por 2 pessoas

    • COMENTÁRIOS DA ADMINISTRAÇÃO

      Desempenho e posicionamento

      A Sonae Sierra Brasil continuou a entregar fortes resultados no 2T18, com crescimento robusto
      de seus indicadores financeiros, mesmo num trimestre extremamente desafiador para o varejo.
      O desempenho de vendas dos lojistas foi muito impactado por uma série de eventos que
      ocorreram no trimestre. O primeiro, e mais relevante, foi a greve dos caminhoneiros, que
      começou no final de maio e se estendeu até a primeira semana de junho, afetando a logística e
      abastecimento dos lojistas e derrubando o movimento nos shoppings. O segundo, foi a Copa do
      Mundo da FIFA, que também reduziu o fluxo de visitantes nos shoppings, especialmente nos
      dias de jogos da seleção brasileira. Por último, a sazonalidade da Páscoa também afetou a
      comparabilidade dos números.

      Deste modo, as vendas dos lojistas caíram 2,1% em comparação com o mesmo período de 2017,
      sendo que cinco de nossos nove shoppings fecharam o trimestre com queda de vendas. Em
      consequência as vendas nas mesmas lojas (SSS) também registraram queda no período, -2,2%
      comparadas ao segundo trimestre de 2017.

      Mas mesmo com indicadores de vendas negativos, a Sonae Sierra Brasil teve mais um trimestre
      sólido, comprovado por outros indicadores operacionais e financeiros.

      Os aluguéis nas mesmas lojas (SSR) continuaram a crescer, fechando o 2T18 com 2,8% de
      aumento, impulsionados pela redução contínua dos descontos temporários.

      A taxa de ocupação também terminou o trimestre em alta, em 93,7%, 0,3 pontos percentuais
      acima do 2T17 e 0,4 pontos percentuais acima do primeiro trimestre de 2018. Este aumento
      deriva principalmente do crescimento de 2 pontos percentuais da ocupação do Passeio das
      Águas Shopping e reflete os esforços de nossa equipe de leasing em comercializar os espaços
      vagos restantes neste ativo.

      Nossas receitas também foram impactadas pela greve dos caminhoneiros, principalmente as
      receitas de estacionamento e aluguel variável. Ainda assim, a queda progressiva dos descontos
      temporários em nossos shoppings mais do que compensou o efeito negativo da greve, o que
      gerou um crescimento de 1% da receita líquida no segundo trimestre de 2018.
      Influenciado pela de queda de 14% dos custos e despesas operacionais, o EBITDA cresceu 12%
      no 2T18, totalizando R$ 50,2 milhões. Já o FFO cresceu ainda mais, +15% em comparação ao
      segundo trimestre de 2017, atingindo R$ 28,2 milhões.

      Curtido por 2 pessoas

    • Em julho, a prefeitura de Campinas aprovou uma segunda fase de um projeto que adiciona 548 mil m² de capacidade construtiva para o terreno do shopping Parque D.Pedro. O projeto consiste no desenvolvimento de hotéis, torres de escritórios e outros edifícios comerciais no entorno do shopping.

      Por fim, a Sonae Sierra Brasil assinou um contrato de venda de um terreno de 11 mil m² adjacente ao Franca Shopping, para o desenvolvimento de um projeto multiuso. O projeto é composto por uma torre com hotel e lajes corporativas e um condomínio de torres residenciais. A venda, cujo preço mínimo é de R$ 18,5 milhões, está sujeita às condições precedentes usuais, que inclui aprovações necessárias do projeto pelas autoridades locais.

      Curtido por 3 pessoas

  8. Sem considerar o impacto na queda da cotação, a troca custa uns 3% de IR, para ganhar 0,1% de yield mensal maior… 3 anos para o breaking point. Mas até lá chega mais uma super recomendação e voltamos à estaca zero… gira-lambe-gira-lambe-gira-lambe

    Curtido por 2 pessoas

  9. Aliansce e Sonae Sierra Brasil iniciam tratativas para potencial fusão de negócios
    04/07/18 12:48
    Reuters

    SÃO PAULO (Reuters) – As operadoras de shopping centers Aliansce e Sonae Sierra Brasil iniciaram tratativas preliminares para potencial combinação de operações, segundo comunicado nesta quarta-feira em resposta a questionamento da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

    Segundo a Aliansce, não existe até o momento nenhum acordo, oferta ou proposta vinculante para eventual transação, nem mesmo definição sobre a estrutura da operação. “Dessa forma, até o momento, não há nenhuma garantia sobre a efetivação de qualquer negócio entre as partes”.

    Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s