FIGS11 – General Shopping Ativo e Renda – FII

FIGS11

No dia 28 de junho de 2013, conforme sua estratégia de investimento, o Fundo adquiriu uma fração correspondente a 36,5% do Shopping Bonsucesso através da aplicação de R$78.949.500,00 e 36,5% do Parque Shopping Maia através da aplicação de R$167.024.000,00 (Total: R$ 245.973.500,00).

(i) Shopping Bonsucesso; em Guarulhos – SP

GSAR11_sbs
(ii) Parque Shopping Maia, em Guarulhos – SP

GSAR11_psm

Áreas Shopping Bonsucesso / Parque Shopping Maia
Terreno: 87.932,25 m² / 24.160,71 m²
Construída: 35.080,86 m² / 89.776,97 m²
ABL Total: 24.293 m² / 31.711 m²

Shopping Bonsucesso: inaugurado em 5 de maio de 2006. Trata-se de um shopping center de pavimento único e conta atualmente com 114 lojas em operação distribuídas em um único piso, sendo 1 hipermercado, 5 âncoras, 1 cinema com 6 salas, 2 megalojas, 1 loja de lazer e 104 lojas satélites.

Parque Shopping Maia: inaugurado em 16 de abril de 2015. Faz parte de um condomínio que engloba um subdomínio residencial e um condomínio comercial (shopping center). Trata-se de um shopping center verticalizado, com dois pisos de estacionamento e 4 pisos de lojas. Conta atualmente com 174 lojas, sendo 138 lojas em operação. Destas, 5 âncoras, 1 cinema com 11 salas, 1 academia, 4 megalojas, 1 loja de lazer e 126 lojas satélite.

RMG: 2019 (48 meses após abertura do Maia)

Imóveis: Nome, Endereço, Área, Lojas % de Vacância % de Inadimplência (a partir de 90 dias de atraso)

Parque Shopping Maia 16,70% 30,30%
Avenida Bartolomeu de Carlos, 230 - Guarulhos/SP 
Área (m2): 31.711,00 
Nº de unidades ou lojas: 200

Shopping Bonsucesso 5,00% 12,00%
Avenida Juscelino Kubitscheck de Oliveira, 5.308 - Guarulhos/SP 
Área (m2): 24.437,00 
Nº de unidades ou lojas: 132

Taxas:

Administração: 0,20%  a.a. sobre patrimônio liquido (mínimo R$ 25.000,00 mensais corrigido pelo IGPM).
Gestão: 0,05%a.a. sobre patrimônio liquido (mínimo R$ 15.000,00 mensais corrigido pelo IGPM).
Consultor Imobiliário: 0,05%a.a. sobre patrimônio liquido (mínimo R$ 5.000,00 mensais corrigido pelo IGPM).

RI: investimentos@solisinvestimentos.com.br

Tutor do FII: Billie

Anúncios

1.567 comentários sobre “FIGS11 – General Shopping Ativo e Renda – FII

  1. FATO RELEVANTE

    CORRETORA PAULISTA S.A., , na qualidade de instituição administradora do FUNDO DE
    INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO GENERAL SHOPPING ATIVO E RENDA – FII, vem pela presente comunicar que a HEDGE INVESTMENTS DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS LTDA., inscrita no CNPJ sob o nº 07.253.654/0001-76 e HEDGE INVESTMENTS REAL ESTATE GESTÃO DE RECURSOS LTDA., inscrita no CNPJ sob o nº 26.843.225/0001-01 (em conjunto denominada “Hedge”), foi eleita pelos cotistas, representando 27,78% (vinte e sete vírgula setenta e oito por cento) das cotas emitidas para assumir a prestação dos serviços de administração fiduciária e gestão, e os serviços de controladoria e escrituração do Fundo através da contratação do Itaú Unibanco e Itaú Corretora. Nos termos da consulta formal encaminhada no dia 01 de março de 2019 (“Consulta Formal”), a assunção dos serviços descritos está condicionada à conclusão favorável de due diligence no Fundo a critério exclusivo da Hedge, por sua conta, risco e expensas, no prazo de até 45 (quarenta e cinco) dias, contados a partir da publicação deste Fato Relevante com a divulgação do fechamento do resultado da Consulta Formal, devendo a Hedge comunicar por escrito a sua decisão, que por sua vez, divulgará aos cotistas.

    Curtir

  2. Data da informação 29/03/2019
    Data-base (último dia de negociação “com” direito ao provento) 29/03/2019
    Data do pagamento 12/04/2019
    Valor do provento por cota (R$) 0,833333333333333
    Período de referência Março
    Ano 2019

    Curtido por 1 pessoa

  3. Tetzner considerando que a renda média EFETIVA é de 37 centavos. Deveria estar pelo menos 15% mais barato, para valer o risco. Nem tô considerando o estado precário do Bonsucesso, que é o shopping que carrega o fundo nas costas….

    Curtir

      • Então, em janeiro a cota chegou a R$ 56,50(07/02/2019). Hoje(27/03/2019) está a R$ 66,49. DEZOITO POR CENTO DE AUMENTO em menos de dois meses !!!. Num fundo que está prestes a terminar a RMG. Que diabos aconteceu em Guarulhos nestes dois meses ? Virou vale do silício ou Genebra ? É surreal…

        Curtir

      • Certo, se os 15% forem os 56/cota então ali bateu, depois tivemos os resultados de final de ano que elevaram o mensal desse patamar de 37 cents. Pode ser uma reação da cotação para isso e se for nos próximos meses com o patamar normalizado, sem a muleta da RMG para disfarçar tudo se ajusta (ou não… ser outra coisa)

        Curtir

    • Esses 0.37 você viu onde?

      Eu também me f*di comprando esse fundo. Comprei o fundo por 90 reais por causa da RMG com plano de vender quando faltasse 10 a 12 meses para o RMG acabar. De repente, caiu bruscamente antes do esperado e agora se eu vender estarei no preju.

      Eu poderia pensar no plano de vender para abater o imposto de renda, mas não quero me desfazer dos meus outros fundos.

      Se a renda após a RMG for 0.37, será o suficiente para segurar a inflação. E penso até em comprar mais a 66 para abaixar o meu preço médio. Com a mudança de administradora, o otimismo pode aumentar a cotação, mas se a renda após a RMG for menos que 0.37, isso cairá mais com certeza.

      Curtir

  4. Contagem Regressiva…

    Data-base (último dia de negociação “com” direito ao provento)
    28/02/2019
    Data do pagamento
    18/02/2019

    Valor do provento por cota (R$)
    0,833333333333333

    Período de referência
    Fevereiro
    Ano
    2019

    Quantas mais? Hoje teve gente que pensou que já tinha acabado rsrs

    Curtir

  5. GENERAL SHOPPING E OUTLETS DO BRASIL S.A.
    Companhia Aberta
    NIRE 35.300.340.833
    CNPJ nº 08.764.621/0001-53
    FATO RELEVANTE

    GENERAL SHOPPING E OUTLETS DO BRASIL S.A., companhia aberta com sede na Avenida
    Angélica, nº 2.466, 24° andar, conjunto 241, na Cidade de São Paulo, Estado de São Paulo
    (“Companhia”), vem, em cumprimento ao disposto na Instrução CVM n° 358/02 e nº 372/02,
    conforme alteradas, e em complemento ao Fato Relevante divulgado em 07 de fevereiro de
    2019,

    informar aos seus acionistas e ao mercado em geral que tomou conhecimento, nesta data,
    por meio do Ofício nº 26/2019/CVM/SEP/GEA-3, da decisão do Colegiado da Comissão de
    Valores Mobiliários (“CVM”), manifestando-se, por unanimidade de seus membros, pela
    inexistência de razões para se declarar de plano a irregularidade da matéria submetida à
    Assembleia Geral Extraordinária originalmente convocada para se realizar no dia 08 de
    fevereiro de 2019 (“Assembleia”).

    Curtir

    • Tendo em vista a decisão da CVM, o Conselho de Administração da Companhia fixou a nova
      data de realização da Assembleia para o dia 26 de março de 2019. Em consequência, o Edital de
      Convocação e a Proposta da Administração para a Assembleia Geral Extraordinária, arquivados
      nas páginas da CVM, da B3 S.A. – Brasil, Bolsa, Balcão e da própria Companhia no dia 08 de
      janeiro de 2019, serão reapresentados para refletir a nova data e, no caso da Proposta da
      Administração, para incluir documentos e informações adicionais para o exercício do voto.

      São Paulo, 21 de fevereiro de 2019.

      Que novela hein?! poderiam juntar tudo num só FII então… agora com mais shoppings dentro de um outro ativo e redundância… acaba perdendo atratividade neste aqui

      Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s