FIIB11 – Industrial do Brasil

O objetivo do fundo foi a aquisição de imóveis industriais prontos ou em construção, para posterior revenda, desenvolvimento ou locação; portanto de um FII de Tijolo – Imóveis Industriais, administrado pela Coin, em regime de condomínio fechado, com prazo indeterminado de duração.

fiib11

Foi constituído em 31/07/2011, através da cisão parcial do patrimônio do FP. F Andrômeda Fundo de Investimento Imobiliário; o FII vem concentrando seus investimentos no empreendimento Perini Business Park, um condomínio industrial formado de galpões industriais modulares, com áreas a partir de 509 m² e totalizando 277.714 m².

O empreendimento é composto de galpões com estrutura pré-fabricada, com pé-direito de 8,50m e 6,00m, fechados com painéis verticais granilhados e cobertura com calhas de concreto, intercaladas com telhas em chapas de alumínio e placas de policarbonato.

Dos imóveis e benfeitorias que compõem o “Perini Business Park”, o Fundo de Investimento Imobiliário Industrial do Brasil possui, em regime de condomínio, 277.714,50m² de terreno e 101.857,92m², de área construída.

O restante da área e das benfeitorias pertencem ao FP. F. Andrômeda Fundo de Investimento Imobiliário e à Perville Construções e Empreendimentos S/A, registrada na matrícula em regime de condomínio; os imóveis encontram-se devidamente segurados para cobrir eventuais sinistros; são 51 unidades locatícias e mais de 30 locatários do segmento industrial.

Com mais de 2,6 milhões de m² de terreno (sendo aproximadamente 240 mil m² detidos pelo FIIIB), o maior condomínio multi-setorial do Brasil localiza-se no coração do Distrito Industrial de Joinville, uma região com um parque industrial diversificado e moderno, situado em um Estado que conta com uma estrutura logística (portos, ferrovias e aeroportos) e energética dentre as mais desenvolvidas do país.

O empreendimento conta atualmente com uma área construída de aproximadamente 102 mil m², tendo comum de seus diferenciais a qualidade construtiva, baseada em tecnologia italiana, de modo a oferecer a seus clientes soluções adaptadas às suas necessidades. Facilidades Além da estrutura inerente à região, o condomínio conta com uma série de facilidades, como serviços de manutenção, conservação, limpeza, jardinagem, coleta seletiva de lixo, segurança, alimentação, serviços bancários, dentre outros que integram as rotinas do parque. Vale ressaltar que a taxa de condomínio do Perini Business Park além de ser uma das menores do Brasil, contempla o seguro predial e o custo de capacitação e treinamento da brigada voluntária para prevenção e combate a incêndio.

O condomínio abriga dezenas de empresas nacionais e multinacionais, de pequeno, médio e grande porte, dentre eles vários líderes mundiais de mercado. Diversos setores, como metal-mecânico, plástico, automobilístico, agroindústria, construção civil, eletrônico, elétrico, químico, logístico, metalúrgico, financeiro, comercial, de serviços dentre outros possuem representantes instalados no parque.

Taxas:
Administração: 3,0% sobre receita bruta auferida (mínimo R$ 8.728,76 mensais corrigido pelo IGPM).

RI: cleide.oliveira@coinvalores.com.br, fernandostelles@coinvalores.com.br, rubens@coinvalores.com.br

Anúncios

428 comentários sobre “FIIB11 – Industrial do Brasil

      • 15. PROCESSOS DE INTERESSE DO FUNDO

        01
        Nº do Processo: 0040309-86.2012.8.24.0038
        Tipo de Ação: Ação de Despejo
        Partes: Coinvalores C.C.V.M. Ltda. X Bulonfer Brasil Ferramentas e Aço Ltda.
        Localização: 3ª Vara Cível da Comarca de Joinville
        Início: 31/08/2012

        Resumo:
        Trata-se de ação de despejo protocolada em 31/08/2012 em face da empresa Bulonfer, visando
        a retomada de imóvel locado. Chaves entregues no dia 13/08/2012 na recepção da Perville.
        Certificado em 21/09/2012 que a empresa deixou o local onde operava, levando todos os bens
        que haviam no local.

        02
        Nº do Processo: 0018196-07.2013.8.24.0038
        Tipo de Ação: Execução de Título Extrajudicial
        Partes: Coinvalores Corretora de Câmbio e Valores Mobiliários Ltda. (Fundo De Investimento
        Imobiliário Industrial Do Brasil e FPF Andromeda – Fundo Investimento Imobiliário) X Bulonfer
        Brasil Ferramentas e Aço Ltda. e Flávio Mandelli Araújo.
        Localização: 3ª Vara Cível da Comarca de Joinville
        Início: 05/06/2013

        Resumo:
        Trata-se de ação de execução proposta em 05/06/2013, em face da Bulonfer e seu fiador Sr.
        Flávio Mandelli Araújo, decorrente inadimplemento do contrato de locação. Em 17/06/2013 foi
        realizado protocolo de averbações em dois veículos em nome da Executada junto ao DETRAN.

        03
        Nº do Processo: 0004157-68.2014.8.24.0038
        Tipo de Ação: Execução de Título Extrajudicial

        Partes: Coinvalores Corretora de Câmbio e Valores Mobiliários Ltda. (Fundo de Investimento
        Imobiliário Industrial do Brasil) X TAC Motors Indústria Automotiva S/A
        Localização: 1ª Vara Cível da Comarca de Joinville
        Início: 06/02/2014
        Resumo: Trata-se de ação de execução proposta em 06/02/2014, em face da Tac Motors,
        decorrente inadimplemento do contrato de locação.

        04
        Nº do Processo: 0317290-70.2015.8.24.0038
        Tipo de Ação: Ação de Execução
        18
        Partes: Coinvalores Corretora de Câmbio e Valores Mobiliários Ltda. (Fundo de Investimento
        Imobiliário Industrial do Brasil) X Wetzel S/A, Norberto Cubas da Silva e Inge Maria Wetzel da
        Silva.
        Localização: 7ª Vara Cível da Comarca de Joinville
        Início: 02/09/2015
        Resumo: Trata-se de ação de execução proposta em 02/09/2015 visando o recebimento de
        crédito de aluguel, IPTU, multa contratual e confissão de dívida no valor de R$ 7.395.161,86.

        05
        Nº do Processo: 0320590-40.2015.8.24.0038
        Tipo de Ação: Embargos à Execução
        Partes: Wetzel S/A, Norberto Cubas da Silva e Inge Maria Wetzel da Silva x Coinvalores
        Corretora de Câmbio e Valores Mobiliários Ltda. (Fundo de Investimento Imobiliário Industrial do
        Brasil)
        Localização: 7ª Vara Cível da Comarca de Joinville
        Início: 06/10/2015
        Trata-se de embargos à execução apresentados por Norberto Cubas da Silva, Inge Maria Wetzel
        da Silva e Wetzel S/A, em face da ação de execução nº 0317290-70.2015.8.24.0038 requerendo
        o reconhecimento de conexão com a ação de despejo nº 0310909-46.2015.8.24.0038, a
        atribuição de efeito suspensivo, a desconstituição do título executivo extrajudicial, o afastamento
        do vencimento antecipado, o acatamento da purgação da mora com o oferecimento de bens.

        Curtido por 1 pessoa

      • 06
        Nº do Processo: 0301750-45.2016.8.24.0038
        Tipo de Ação: Recuperação Judicial
        Partes: Wetzel S/A
        Localização: 4ª Vara Cível da Comarca de Joinville
        Início: 03/02/2016

        Resumo: Trata-se da ação de recuperação judicial proposta pela Wetzel S/A, através da qual
        informa débitos de R$ 101.077.824,95 e os motivos de sua crise, pleiteando o deferimento do
        processamento da recuperação judicial, a suspensão de todas as ações por quantia líquida, de
        execuções movidas contra si e coobrigados solidários e demais providências pertinentes.

        07
        Nº do Processo: 0320126-79.2016.8.24.0038
        Tipo de Ação: Execução
        Partes: Coinvalores Corretora de Câmbio e Valores Mobiliários Ltda. x Gecel Serviço de
        Instalação Industrial Ltda. Me.
        Localização: 6ª Vara Cível da Comarca de Joinville
        Início: 05/10/2016

        Trata-se de ação de execução movida em face de Gecel Serviço de Instalação Industrial Ltda.
        Me visando a cobrança de verbas decorrentes de rescisão de contrato de locação. Em
        11/10/2016 foi proferido ato ordinatório determinando o encaminhamento dos autos para a
        expedição de mandado de citação. Em 18/01/2017 foi feita a citação dos Executados.

        08
        Nº do Processo: 0302407-50.2017.8.24.0038
        Tipo de Ação: Embargos à Execução
        Partes: Gecel Serviço de Instalação Industrial Ltda. Me. x Coinvalores Corretora de Câmbio e
        Valores Mobiliários Ltda.
        Localização: 6ª Vara Cível da Comarca de Joinville
        Início: 20/02/2017

        Trata-se de embargos à execução apresentados pela Gecel Serviço de Instalação Industrial
        Ltda. Me., em face de ação de execução distribuída pela Coinvalores.
        Aguarda-se intimação para apresentação de impugnação.

        09
        Nº do Processo: 0313986-29.2016.8.24.0038
        Tipo de Ação: Ação de consignação em pagamento
        Partes: Gecel Serviço de Instalação Industrial Ltda. Me. X Coinvalores Corretora de Câmbio e
        Valores Mobiliários Ltda.
        Localização: 2ª Vara Cível da Comarca de Joinville
        Início: 16/07/2016

        Trata-se de ação de consignação em pagamento movida pela Gecel requerendo a declaração do
        termo final da locação em 31/05/2016 e a consignação das chaves da locação.

        10
        Nº do Processo: 0302878-71.2014.8.24.0038
        Tipo de Ação: Instituição de Passagem Forçada
        Partes: Deborah Reimer x Prefeitura Municipal de Joinville e Cachoeira Arrendamento e
        Armazéns Ltda.
        Localização: 2ª Vara da Fazenda Pública de Joinville
        Início: 28/04/2014

        Protocolada ação pela Autor informando que possui um imóvel encravado entre a propriedade
        dos Réus e pedindo a instituição de uma passagem forçada para que possa comunicar-se com a
        via pública.
        Em 09/04/2015 a Cachoeira apresentou contestação e em 23/09/2015 a Prefeitura o fez. Em
        10/02/2017 a Coinvalores pediu a sua inclusão no feito como assistente litisconsorcial ou o
        reconhecimento de sucessão voluntária de parte.

        Curtido por 1 pessoa

      • Vittorio

        Gestão/Administração hoje tem um peso igual ou maior que o próprio ativo imobiliário que lastreia o FII

        Uma bom prédio, bem localizado, moderno, etc etc pode ser levado à lona por gestão/administração omissa, incompetente (tem vários casos nas três consoantes)

        E temos casos de bons resultados apesar de o ativo não ser lá essas coisas, de o lastro não ser “capa de revista”; mas atende, conquista no preço diferenciado e pronto, está aí a muito tempo no mercado.

        Curtido por 1 pessoa

      • Eu entendi o que quer dizer. Mas meu ponto é outro: mesmo com a melhor gestão, se esses processos resultarem em perdas pro fundo, é algo que talvez não consiga contornar a curto/médio prazo. Ou estou errado?

        Curtido por 1 pessoa

      • Vittorio se for bem conduzida a ação, havendo o correto acompanhamento dos ativos pela administração… o risco é não receber a dívida ou ela rolar anos na justiça. Agora se forem omissos e gerar algum impacto no inquilino por culpa do fundo… aí gera um dívida com órgãos públicos por impostos não pagos e ou algum pleito de lucros cessantes. Por isso o peso alto na gestão… na hora que aperta eles correm pedir dinheiro pro cotista e fazer emissão para pagar Agua, Luz e Taxas acredite… as três consoantes fizeram em seus FIIs e recente. Um bom gestor/administrador evita esse tipo de situação com maior facilidade.

        Curtido por 2 pessoas

  1. Tenho bastante FIIB via HGLG. Vou agrupar para os amigos alguns pontos que me deixam com o ”pé atrás” de concentrar em FIIB:
    1- Saída do principal Diretor.
    2-HG forte na ponta vendedora.
    3-Tenho a impressão de que os melhores inquilinos vão sempre para a parte do Perini que NÃO é a parte propriedade do FIIB.
    4-Principal inquilino em Recuperação Judicial. Será que não teria sido melhor para o Fundo despejar logo esse inquilino do que se enrolar TANTO com ele?
    5-A indústria tem melhorado lentamente nos últimos meses, mas esse FII não tem acompanhado essa melhora, o que levanta a suspeita de o imóvel ser realmente tão bom quanto dizem.
    6-Com esse giro de inquilinos, a Gestão vai cedendo carências e mais carências aos novos inquilinos., o que potencializa os efeitos das carências.

    É isso…

    Curtido por 5 pessoas

    • Sobre o ponto 3, pelo que entendi a parte Perini teria Galpões de dimensões diferentes das do FIIB, propositadamente para evitar a concorrência interna. Se na prática isso acontece, ai não sei. Em relação ao 4, o inquilino em questão, deu um terreno como parte de pagamento e vem cumprindo sua parte após a renegociação, não? Será motivo para preocupação?

      Curtido por 2 pessoas

  2. Vi que o rendimento deste Fundo oscila bastante, não? Alguma razão em especial para isso?

    06/2017 – 31/07/2017 – R$ 2,35
    05/2017 – 30/06/2017 – R$ 2,32
    04/2017 – 31/05/2017 – R$ 2,29
    03/2017 – 28/04/2017 – R$ 2,28
    02/2017 – 31/03/2017 – R$ 2,27
    01/2017 – 24/02/2017 – R$ 2,26
    12/2016 – 31/01/2017 – R$ 2,21
    11/2016 – 29/12/2016 – R$ 2,8
    10/2016 – 01/12/2016 – R$ 2,55
    09/2016 – 31/10/2016 – R$ 2,53
    08/2016 – 30/09/2016 – R$ 2,25

    Curtir

Não postar Links, nem referências à sites Externos, Emails, Telefones.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s